12.10.11

#IB - The Skater Girl: 17° Parte

Fiquei um tempo pensando em tudo. Não devia ter feito tudo aquilo, não mesmo. Ele deve estar super confuso e achar que sou completamente louca. Vão me chamar de interesseira, com certeza. Olhei meu braço e lembrei-me do que ele tinha dito em meu ouvido. Sorri e respirei fundo. Uma lágrima deslizou gentilmente em meu rosto e caindo em meu braço, tirando um pouco do delineador.

Até quando vou esconder? Serei capaz de encobrir um mistério obscuro a esse ponto? E logo do Justin, que me fez sofrer por anos? – Pensei. Tomei meu precioso banho, tirei o delineador do braço com demaquilante e me sequei. Enrolei-me na toalha e sai do banheiro, fechei a porta e sinto uma mão gelada no meu pescoço. Arrepiei-me inteirinha e dei um soco na cara do idiota. Vi quem era e me ajoelhei no chão.

- Charlie, por que você entra desse jeito no meu quarto? Me assustou, sabia?
- Precisava me socar? – Eu limpava sua boca com a ponta de minha toalha, que sangrava.
- Se fosse um ladrão daria certo. Desculpa Ruivo, não queria te socar. Mas dá licença? Poxa, termino de sair do banho e você entra assim?
- Eu vi a matéria na TV e achei que queria um ombro amigo.
- Vou querer um ombro amigo quando você sair do meu quarto, me deixar trocar de roupa e entrar como uma pessoa decente no meu quarto.

Ele me olhou com um biquinho lindo e saiu emburrado do quarto. Tranquei a porta de vidro, desci as persianas e escutei o barulho de seus pés colidirem com a grama fofa.  

Ninguém me deixa em paz. – Pensei. Coloquei esse pijama: 



E peguei meu iPod e fiquei escutando minhas músicas. Escuto alguém bater na porta e reviro os olhos. Olho no olho mágico e vejo meu pai e Charlie parados na porta. 

Respirei fundo e destranquei a porta e a abri.
- Filha o Charlie quer... Pode vestir um short primeiro?
- Pai, é assim o pijama sabia?
- Não importa, coloque um short antes de falar com ele. – Disse meu pai, apontando para Charlie descaradamente.

Ri dele e fechei a porta novamente. Coloquei um short e meu celular começou a tocar, o atendi sem ver quem era.

- Alo?
- Meu amor, me fala o que aconteceu! O que eu fiz?
- Justin, depois nós conversamos ok?
- Eu estou na frente da sua sacada.

Meu deus. Lá vem briga. Justin parado na minha sacada, Charlie parado na minha porta com meu pai... Quem eu atendo primeiro?

- Ah, espera ai Justin, só um segundo.
Era perder o Justin ou a amizade do Charlie. Ou os dois. É. Abri a porta do quarto bruscamente.
- Charlie, não posso falar com você agora, tchau. – Disse rápido como um raio e cruzei os braços.

Fechei a porta na cara dele e a tranquei rapidamente. Respirei fundo, tirei o short, estava me apertando pra caralho :s, e fui até a porta da sacada e subi as persianas e abri a porta.

Justin ainda estava com as roupas do show. Ele deve ter vindo aqui logo 
depois que o show terminou. Estava parado em frente à porta com os braços 
cruzados e me olhou dos pés a cabeça.

- Tinha alguém no seu quarto?
- Meu pai. – O olhei inocente.  
- E?
- E... E o Charlie. Mas eles não entraram! Eu fechei a porta na cara dos dois.
- Hm... E você com essa roupa?
- Eu estava com um short tá? Eu tirei agora, tava me incomodando.
- Um modelo Victoria’s secret em um corpo brasileiro. (Seu nome)... Você quer me matar?
Ri dele e olhei para o céu estrelado. - Me desculpa?
- Por que está se desculpando, meu amor?
- Porque não precisava de eu sair correndo daquele jeito, eu só me assustei com a sua atitude de querer mostrar nosso namoro logo cedo. Você não me deu tempo nem para me acostumar Justin!
- Desculpa marrentinha... Eu só queria fazer uma surpresa pra você e deu nisso.
- Agora, vão descobrir minha casa, com quem ando, vão me dar milhões de apelidos, vou ser odiada...
Ele colocou seu dedo indicador com um esparadrapo na ponta sobre meus lábios e me puxou pela cintura.
- Shh. Não importa o que fizerem, eu vou sempre estar do seu lado e vou te proteger para sempre. – Tirou seu dedo de meus lábios e me beijou calmamente, segurando firme em minha cintura e colando nossos corpos.
- Você é um fofo, sabia?
- Prefiro o termo ‘romântico’.

Ri dele e beijei sua bochecha. Olhei para a porta meio desconfiada e Justin me olhou preocupado.

- O que foi?
- Acho que eles não saíram de lá.
- Quer ir conferir?
- Mas, e se o Charlie abusar da minha paciência?
- Eu detono com ele.

Rimos e entramos no quarto. Olhei no olho mágico e só vi meu pai parado na porta. Nenhum sinal do ruivo. Virei para Justin e fiz um sinal de silêncio para ele, concordou e vesti meu short novamente. Corri até a porta e a destranquei. Abri-a e meu pai entrou no quarto, viu Justin sentado na cama e sorriu.

- Sabia que ele estava aqui. Entenderam-se?
- Sim senhor paizinho.  O Charlie desistiu?
- Não. Está lá na sala te esperando.
- Ain. – Mordi os lábios, tensa – O que eu falo para ele, pai?
- Que... Você não queria ser incomodada e fechou a porta na nossa cara?

Ri dele e o abracei. Ele deve ter pensado o mesmo que meu pai. Ainda mais porque ele entrou no quarto antes deles dois, então...

- Justin, pode esperar um pouquinho só?
- Claro meu amor.

Sorri e desci correndo para a sala, ele estava sentado no sofá com as mãos sobre seu rosto. Sentei do lado dele e tirei suas mãos.

- Cheguei.
- Ele estava lá, não é?

Fiquei em silêncio e o olhei culpada. Concordei meio sentida e ele levantou do sofá com raiva.

- Sabia, sabia que aquele playboyzinho ia te roubar de mim!
- Quem disse que ele roubou?
- Você deu as costas pra mim (Seu nome)!
- Mas voltei, não voltei?

Levantei do sofá e acariciei seu rosto gentilmente. Ele me olhou com cara de cachorrinho sem dono e o abracei forte.

- Eu nunca vou te dar as costas, Ruivo. Ele só queria falar comigo. A situação é mais complicada do que você pensa. Acha que é fácil ter um namorado e um amigo ciumento?
- Não, não sou gay para ter namorado!
O olhei brava e soquei seu ombro. – Você nunca vai deixar de ser bobo, não é?
- Só para te ver sorrindo.

Sorri sem graça e encostei minha cabeça em seu peitoral. Ele beijou minha testa e me abraçou.

- Vou indo gatinha, dorme bem.
- Você também.

Ele se soltou e foi embora. Subi de volta para o meu quarto e escutei meu pai conversar com o Justin. Parei do lado da porta e ouvi a conversa.

- Mas, você já namorou a minha mãe?
- Sendo sincero, eu sempre gostei muito dela, mas não, nunca namorei com ela.
- Não foi isso que minha mãe me disse...
- O que ela te disse? – Disse meu pai, eufórico.

Estava me mordendo para não rir, esse Justin me mata.

- Que ela já namorou com você depois que meus pais se separaram. Mas por causa do seu sucesso como guitarrista, você se separou dela.
- Ela te contou mesmo a verdade. Nós namoramos por uns seis meses. Você era só um bebê Justin.
- Sério? Eu tinha inventado tudo só para ver sua reação! Nossa, sou demais!
- Hã?
- Ahm... Voltei! Estou atrapalhando algo?
- Amor!

Ele correu até mim e me abraçou.

- Não filha, imagine.
- Conversa de homem?
- Vamos dizer que sim.

Rimos e Justin me selou me rodando no ar. Meu pai sorria e deu licença do quarto.

- Enfim sozinhos meu amor.
- É...

Ri sem graça e ele me abraçou, beijando minha testa.
.........................................................................................................





Heey Girls *-* 


So, that's it! 


Gostaram? Me avisem! 

~~ 10 comentários ~~ 

- Giih ♥

21 comentários:

  1. Anônimo17:13

    aaaaameeei!
    flor continua ainda hoje? por favoor to super viciada! pleaseeeee *-* bjo bjo

    (Gabriela Barros)

    ResponderExcluir
  2. OWN que fofo *-* Gente o Justin passou na TV, ah que lindo my love s2

    Amei o capítulo, tudo tão lindo. Mas eaê o que vai acontecer, o que as beliebers vão falar? *-* '

    ResponderExcluir
  3. Mega Viciada nessa IB, caraca ta otimooo , continuua *-*

    ResponderExcluir
  4. Ingridi Belieber17:59

    Amei,Amei, Amei, Amei
    Continua logo pleaseee

    ResponderExcluir
  5. AHHHH CONTINUAAAAAAAAAAAAAAA

    ResponderExcluir
  6. Amanda18:52

    AAAAAAAAH Amei ! Continua (:

    ResponderExcluir
  7. CARAAALHO , TA DEMAAIS , SERÁ KE DAÁ PRA ROLAAR UM CIÚMIINHUS DA PARTTÝ DO JUSS >< ?

    PERFEEEITO , CONTINUAAA !

    ResponderExcluir
  8. Continuaaaaaaaaaaaaaaaaaaaaa!!!!!!!!!!!

    ResponderExcluir
  9. Anônimo20:13

    Ameii.Lindo perfect

    ResponderExcluir
  10. Anônimo23:25

    Eu li essa #ib em um dia, ta perfeita *---*
    Nossa eu amei serio.
    So acho que agora eles podiam sair com frequência ja que eles se assumiram. E podia rolar ciumes da parte do Justin
    beijos
    @lari_california

    ResponderExcluir
  11. continuaaaaaaaaaaaaaaaaaaaaaaaaaaaaaaaaaaaaaaaaaaaaaaaaaaaaaaaaaaaaaaaaaaaaaaaaaaaaaaaaaaaaaaaaaaaaaaaaaaaaaaaaaaaaaaaaaaaaaaaaaaaaaaaaaaaaaaaaaaaaaaaaaaaaaaaaaaaaaaaaaaaaaaaaaa :)

    ResponderExcluir
  12. Anônimo13:22

    aaaaaaaaaaaaaaaaaaaaaaaaaaaaaa......CONTINUA!!!

    ResponderExcluir
  13. aaaw to amando como sempre né e Jus safadenho ahsuahs
    continua em *--*

    ResponderExcluir
  14. Anônimo16:40

    Super d+++!!

    ResponderExcluir
  15. Coooooooontiinuaa , se eu morrer de curiosidade eu venho puxar seu pé de noite tá ok ?



    Divulga o meeu please http://imaginebeliebersdrewlicia.blogspot.com

    ResponderExcluir
  16. Hey...
    Letora nova...
    Pode diculgar meu blog???
    Sou nova sabe...AMEII SE IB

    ResponderExcluir
  17. Haaaaaaaaaaahahahahaha ri mto com essa do Juss :)

    ResponderExcluir