25.11.11

#IB - The Skater Girl: 43° Parte

Eu não conseguia acreditar no que estava vendo. Meus pais se beijavam!  

- Mãe? Pai?

Eles dois me olharam e minha mãe ficou envergonhada e se retirou do quarto. Olhei meu pai surpresa e mostrando um sorriso inacreditável, ele retribuiu com um sorriso um tanto envergonhado.

- Mas... E a Pattie? Você não estava com ela? Que coisa feia pai, beijando a ex!

Meu pai riu de mim e estendeu seus braços pedindo-me um abraço. Fui até ele e afundei minha tristeza em seu peito. Marcos começou a pentear meus cabelos com seus dedos, me fazendo relaxar e lembrar-me das nossas lembranças juntos. Ele sempre fez isso quando sentia que estava triste.

- Foi Alyss quem me surpreendeu, minha filha. Nunca iria nem imaginar que ela faria isso novamente.
- E eu então? Ela falava tão mal de você pra mim, como se você um monstro!

Ele calou-se. Senti sua respiração profunda e seu coração desacelerar um pouco. O olhei confusa e me soltei dele.

- O que foi, pai?
- Sua mãe estava certa ao falar isso de mim. Eu era um monstro.
- Como assim pai?
- Você era muito pequena ainda na primeira vez que voltei a usar cocaína. Eu fiquei louco depois de ver sua mãe com outro homem, que na verdade era um primo dela e que ela só estava ensinando ele a fazer alguma coisa que eu não me lembro. Eu o ataquei tão violentamente, que ele ficou meses no hospital em coma. Depois disso, sua mãe não foi mais a mesma comigo. Eu não conseguia parar de usar, e descontava toda a raiva nela.
- Por isso que ela me disse que você a chamava de vadia.
- É, eu já chamei ela assim muitas vezes. Mas, depois que nós nos separamos, eu fui para uma clínica de recuperação. Não queria que você soubesse disso, então sua mãe nunca tocou nesse assunto, e eu resolvi “sumir” um pouco do mundo, e fiquei lá, me recuperando. Depois de todos esses anos, eu achei que você me trataria igual sua mãe me tratava, mas foi totalmente o contrário. Você passou a odiar ela e gostar de mim. Eu não queria que isso acontecesse, você tem que gostar da sua mãe, afinal, você só tem uma.
Revirei os olhos e o olhei preocupada. - E por que você nunca me contou isso? Acha que eu não deveria saber o motivo do seu “sumiço”?
- Você era muito nova, querida. Não fiquei brava comigo, foi por questões de não te fazer sofrer.
- Mas eu acabaria sofrendo de qualquer forma!
- Mil desculpas se te fiz sofrer, mas você sabe que não era essa a minha intenção.

Respirei fundo e sentei na cama que estava ao meu lado, nem, a cama deve ter sumido, porque só tem roupas em cima dela, cobrindo-a toda, praticamente.

- Tá, mas por que ela te beijou? E o seu namorinho com a Pattie?
- Namorinho?
- Ah pai, você acha que vai conseguir esconder isso logo de mim, está enganadíssimo. Primeiro beijo totalmente “discreto” – fiz as aspas com meus dedos logo após dizer discreto -: No avião. Meu deus pai, você queria engolir ela também? Segundo beijo totalmente “discreto”: Quando nós estávamos indo embora, vai me dizer que quando você saiu com ela não deu nenhum beijinho de despedida? – ri pelo nariz e ele não resistiu, rindo também. – Não sou tonta pai. Nem eu e nem o Jus... - parei por um segundo - O filho dela.
- Tá, admito, eu estava sim namorando ela.
- Viu só? Sou foda demais – pisquei para ele, que o mesmo riu -, e ainda descobri o namoro secreto de vocês dois.
- Também posso te dizer um segredinho que eu descobri sobre você?

O olhei levantando minha sobrancelha direita, eu, super maquiavélica, fiz um gesto para que ele continuasse.

 - Eu sei que você beijou Ash ontem.
- Ash? Que Ash? – perguntei, disfarçando.

Como ele sabe? Será que aquele roqueiro fofoqueiro contou?

- Não se faça de desentendida filha, eu vi com meus próprios olhos.
- Droga. Foi ele quem me beijou! – Apontei o culpado, haha.
- Eu sei, eu estava entrando no quarto quando vi.
- Bem abusadinho ele, não?
- Você é tão abusada quanto ele, ao invés de recuar e entrar no quarto, “Ah, que isso, vou continuar beijando ele pra ver se ele beija melhor que o Justin traíra.” – Meu pai disse isso em uma voz fina, tentando imitar minha voz.
O olhei descaradamente e sem acreditar. – Minha voz não é assim tá?

Rimos juntos e batem na porta. Olhamos juntos para ver quem era. Ash e Axl.

- Sem querer atrapalhar vocês... Marcos, preciso de você lá em baixo.
- Ok, ahm, já volto filha.
- Tá pai.

Eles retiraram-se do quarto e Ash aproximou-se de mim, sentando na pilha de roupas. Ficamos em silêncio, eu estavas em assunto, e ele provavelmente também estava.

- Você sabe tocar guitarra, gatinha? – Perguntou-me.
- Não. Eu até tentei tocar, mas eu perdi a vontade e aprendi a andar de skate.
- Uma das primeiras garotas que eu conheço que andam de skate.
- Prazer, skatista. - Estendi minha mão para ele, que a apertou e riu.
- Prazer, guitarrista.

Rimos juntos e levantei da cama.

- Aquela Les Paul branca e preta é a minha, vou pegar ela pra você.



Ele correu até a guitarra e a pegou. Começou a fazer um solo muito rápido, mas como ela não estava conectada no amplificador de som, quase não fez som algum.

- Queria saber fazer isso. – murmurei.
Ele riu de mim e me entregou a guitarra. – Se quiser, eu te ensino um pouco.
- Bem, eu sei alguns acordes, mas não consigo tocar nem uma música em um violão.
- É questão de treino e prática. Pega aqueles violões ali – Ash apontou para dois violões sobre suportes pretos – que eu vou te ensinar algumas coisas básicas dele, ok?

Assenti e peguei-os, ele colocou a guitarra em cima da cama e pegou um dos violões em minhas mãos.

- Primeiro, os acordes. Esse é dó – demonstrou com seus dedos -, ré, mi, fá, sol, lá, si e dó no final.
- É muito difícil Ash.
- Pode me chamar de Little Rose, se quiser. Eles me chamam assim.

Ri dele e me mostrou como fazer os acordes, as posições que os dedos tinham de ficar, as casas, cordas graves e agudas, assim por diante.

(...)

Mode Marcos on*

Depois de passar a tarde inteira ensaiando com a banda, sentia meus dedos latejarem de dor e minhas mãos pedirem compressas de água quente. Entrei no quarto todo animado para ver o que eles estariam fazendo e disse:   

- Garotos, cheguei!

Eles estavam dormindo em um dos colchões, e Ash estava agarrado em (Seu nome). Pelos violões e guitarras espalhadas pelo quarto, Ash estava ensinando-a como tocar-los. Guardei as guitarras e os violões em seus devidos lugares e Axl entrou. Fiz um sinal de silêncio a ele e mostrei os dois dormindo juntos. Ele riu baixo e me ajudou a achar um cobertor para cobrir-los.

Tomei um banho quente e fui atrás de Alyss, que não estava no quarto dela. Procurei pelo hotel inteiro e nenhum sinal dela. Voltei para o quarto de (Seu nome) e vi-a deitada na cama, olhando para o teto. Bati na porta.

- Alyss?
Sentou-se na cama e sorriu. – Sim Marcos?  
- Onde você estava?
- Eu estava dando uma volta pelo hotel, por quê?
- Porque eu te procurei antes não tinha te achado. É... Eu preciso te falar uma coisa.
- Pode dizer.

Aproximei-me dela e sentei na cama. Respirei fundo e procurei uma forma de dizer que já tinha contado tudo para a (Seu nome).

- Eu contei a verdade a ela.
- Ela toda?
- Sim. Ela reagiu tão bem, pensei que brigaria comigo, sei lá, mas não fez nada.
- Hm. – murmurou – Pelo menos, foi até melhor do que pensamos, não é?
- É.

Mode Marcos off*
..........................................................................................................


Heey Girls *-*

Huum, o Ash e a (Seu nome) dormindo agarradinhos? Sei não hein. kk' Por que será que a Alyss beijou o Marcos? Essas aulas de guitarra vão ir além de só simples aulas? E o Justin sumido, como será que ele deve estar? Só no próximo capítulo!

Indicações:

Gostaram? Me avisem! 
~~ 10 comentários? ~~ 

- Giih

14 comentários:

  1. OMG' ELES SE BEIJARAM :O
    ESSE ASH HEIN, ABUSADO DEMAIS.
    TADINHO DO JUS DEVE TÁ MAL NÉ ?!
    IMAGINA SE ELE DESCOBRE QUE "EU" BEIJEI O ASH (haha'ficou estranho)
    ELE VAI QUERER SE MATAR :O

    CONTINUA FOFO *-*

    ResponderExcluir
  2. Anônimo18:59

    mto sem graca sem o jus !

    ResponderExcluir
  3. Anônimo19:03

    Continua bb está bom d+ tô super anciosa pelo próximo capitulo :)

    ResponderExcluir
  4. Anônimo19:33

    "Eu" quero ver o Biebs de novo! )': mas a IB está cada dia melhor, serio mesmo! *-*

    ResponderExcluir
  5. Não sei, só vou saber se tu postar o próximo capítulo logo luv! :D
    Hahaha, beijos'

    ResponderExcluir
  6. Anônimo21:35

    QUERO ELA COM O JUSTINNNN! N GOSTO DESSE ASH HEUHUEHE

    ResponderExcluir
  7. Hum isso vai dar namoro, já to até imaginando como o JB vai ficar

    ResponderExcluir
  8. Hello23:07

    Esse imaginee táa tãao ruiim seem o JB agarrando a belieber imaginadora :/
    Nãao dáa pra elle voltaaar logo ?

    Continuaa queero que o JB voltee >.<

    ResponderExcluir
  9. Continuaaaaaa! *-*

    ResponderExcluir
  10. já estou imaginando no que isso vai dar..
    Continuaaaaaaaaaaaaaaaaaaaaa!

    ResponderExcluir
  11. Anônimo16:12

    GOSTO DE IMAGINAR QUE EM MEUS PLENOS 15 ANOS MEU PAI ME DEIXARIA SOZINHA COM JUSTIN BIEBER OU COM UM LOIRO DOS OLHOS AZUIS TARADO #SÓNUMAIBMESMO =(

    CONTINUA!!!TÁ PERFECT!


    *LI AKII*

    ResponderExcluir
  12. AAAAAAAAAAAAAAAAAA adogaaaa me matar de curiosidade
    continua continua

    ResponderExcluir
  13. AMEEEEI, CONTINUA LOGO POR FAVOR...
    SELINHO PARA VOCÊ AMOR:
    http://imaginebelieber-str.blogspot.com/2011/11/selinho.html - Beijooos (L)

    ResponderExcluir