10.1.12

#IB - The Skater Girl: 72º Parte

Eu beijava Justin sem parar. Ainda estava por baixo dele naquela posição colada e escutei passos vindos da escada.

- Justin... – tentei separar nossos lábios um pouco e empurrei-o, fazendo-o olhar para mim.
- O que foi marrentinha?
- Está ouvindo?
- Ouvindo o que?
- SHH! – coloquei minha mão esquerda sobre a boca dele e ficamos em silêncio. Ele me olhou assuntado e assentiu com medo.

Ele pulou da cama e peguei minhas roupas no chão, o mandei pendurar a blusa dele na cabeceira da cama e liguei a TV.

- O que você vai fazer? – ele sussurrou, ainda me fitando.
- Tomar um banho falso! Boa sorte!
- Boa sorte? Hã?

Fechei a porta e liguei o chuveiro. Fiquei colada na porta escutando a conversa. Olhei pela fechadura e vi Scooter abrindo a porta. Mordi-me para não rir e tentei ouvir a conversa.

- Ah, olha ele aqui.
- Oi Scott! Chegou tão rápido.
- É, acabou que foi rápido demais. Onde está sua namorada?

Ri baixinho e voltei a escutar.

- Tomando um banho – ele sorriu e voltou sua atenção para a TV.
- Hm, um banho. E você sem camiseta?
- Estou com calor.
- E o ar condicionado? O ventilador? Não pensou em ligá-los?
- Não sabia se a (Seu nome) queria que eu ligasse-os. Também, como eu ligo o ar e ela entra aqui só de toalha? Ficará congelada Scooter, eu só estou fazendo um bem para minha namorada linda.

É, ele está aprendendo a mentir comigo, haha.

- Mas o ventilador não a congelaria.
- Ah Scooter, achei melhor tirar minha camisa, está bom para você?

Eles se encararam e me molhei um pouco, desliguei o chuveiro, me enrolei em uma toalha e destranquei a porta, vendo eles dois ali parados se encarando e franzi o cenho.

- Acho que não deveria ter entrado agora...
- Opa, já estou saindo. Pode s trocar, (Seu nome).
- Que nada Scott, pode ficar ai, só quero pegar minhas roupas, se não for atrapalhar vocês...

Ele saiu e fechou a porta. Sorri para Justin e bati merecidas palmas para ele.

- Olha só, já está aprendendo comigo.
Ele riu e levantou da cama, se aproximando de mim – Verdade (Seu apelido). Então, vamos terminar o que começamos?
Olhei para ele irônica e empurrei seu ombro segurando minha toalha – Até parece, me respeita Justin.

Revirei os olhos e voltei para o banheiro com um monte de roupas em minhas mãos. Fechei a porta e comecei a vesti-las.

Mode Justin on*

Não acredito que ela me deu outro fora. Garotas... Fiquei parado olhando o guarda-roupa dela e abri uma das portas. A bagunça era infinita, realmente. Mas, não era isso que eu procurava. Abri uma das gavetas e sorri malicioso. Peguei um dos sutiãs dela e sussurrei baixinho: – Caramba, ela tem tantas peças íntimas e não usa! – peguei um dos espartilhos e mordisquei meu lábio inferior. Imaginei-a o vestindo e rolei os olhos. “Assim ela me mata, meu deus”, pensei. Escutei umas vozes vindas do banheiro e sorri. Guardei as roupas intimas dela no lugar que estavam e fechei o guarda roupa. Fui até a porta do banheiro e a abri lentamente, para que ela não percebesse que eu estava lá.

Sorri ao ver que ela cantava. Chegava a ser engraçado. Ela estava de frente para o espelho segurando uma escova de cabelos vermelha e vestida só com seu short e um sutiã com listras brancas e rosa claro. 


Além de seus cabelos estarem presos todos emaranhados como uma Maria Chiquinha bem fofa. Ela cantava Sk8er Girl e dançava muito também. Sorri novamente e fechei a porta. Bati nela e tentei não rir.

- Marrentinha, posso entrar?

Ela demorou a responder e sorri me lembrando da cena.

- Claro Biebs, pode entrar.

Abri a porta lentamente e vi que ela penteava seus cabelos, já soltos, com aquela mesma escova vermelha e fui até ela.

- Gostei do seu sutiã. – sorri atrevido e a abracei por trás, segurando em sua cintura.
- Seu safado, podia ter olhado para minhas pernas que eu ficava até mais mansa.
- Hm... Minha marretinha mansinha e vestida desse jeito deve querer me matar.
Ela gargalhou e beijei sua bochecha – Sério. Você gostou mesmo desse? Foi o primeiro que peguei!
Lembrei daquela gaveta cheia de roupas intimas da Victoria’s Secret e suspirei, quando vi que ela me olhava sem entender, assenti um tanto apressado e olhei para ela sorrindo – É claro amor, você ficou linda nesse. Mas, acho que ficaria melhor sem ele e com o corpo grudado no meu.
Ela revirou os olhos sorrindo e se virou, afundando sua cabeça em meu 
peitoral. – Seu bobo, você nem perde oportunidade.
Sorri e beijei sua testa – Eu tento.

Rimos e segurei na cintura dela, beijando-a ferozmente. Colei-a na pia e (Seu nome) andou me puxando para trás e a coloquei, humildemente, escorada contra a parede, sem separar nossos lábios. Subi minhas mãos para o fecho de seu sutiã e o abri, mas, como nossos corpos estavam colados, o sutiã permaneceu no mesmo lugar. Ela segurava em minha cintura, abaixando cada vez mais. Ela pode até parecer uma santa ou até uma rebelde, mas é tão safada quanto eu. Quando menos percebi, suas mãos estavam por dentro de minha bermuda e apertando minha bunda, me fazendo arfar e mudar meu beijo de direção, pousando em seu pescoço.

Ela gemeu fracamente quando juntei seus seios rígidos um no outro e me olhou pedindo piedade. Nossas respirações estavam tão ofegantes que me fez parar e ficar admirando aquela cena. Tirei suas mãos de seus seios e a ajudei a encaixar o fecho de seu sutiã. Nós dois estávamos cansados. Reparei que até agora ela não tinha tirado suas mãos de dentro de minha bermuda e ri dela.

- Você é uma safada.
- Você também é um safado.

Rimos e a selei. Ela pousou suas mãos em meu pescoço e passou-as em meus cabelos, parando ali. Minhas mãos permaneciam em suas costas desnudas e ela separou nossos lábios. Ficamos nos olhando durante segundos e ela abriu um largo sorriso.

O silêncio permaneceu. Ela se soltou de meus braços e procurou por sua blusa. Fiquei escorado na parede apenas observando-a procurá-la. Ela a encontrou e a vestiu. Ajeitou seu cabelo escovado e sorriu me olhando no reflexo do espelho. Saímos do banheiro e nos jogamos na cama. Rimos juntos e ela se ajeitou encaixando sua cabeça em meu peitoral e assim ficamos, juntos e vendo TV.

Mode Justin off*

Mode Scooter on*

Acha que esses garotos me enganam? Depois do flagra que eu dei na primeira vez do Justin, nunca mais. Quando o Biebs me deu aquela desculpa de estar sem camisa por estar com calor, tudo se encaixou. Quem sabe se a (Seu nome) só estava fingindo tomar banho? E ele fingindo ver TV? Sorri ao pensar nisso e me lembrei do que Alyss me disse.

“Scooter, ela pode até parecer ser santinha, mas inventa as melhores desculpas do mundo. Ela é a garota mentirosa, digamos. Já caí em tantas desculpas dela e perceber que era mentira depois de deixá-la sair. Não se esqueça do que eu te falarei agora: Nunca tenha certeza absoluta do que ela te dizer. Se ver nos olhos dela, você perceberá se é verdade ou não. Também, ela pode estar ensinando os truques dela para Justin. Tome cuidado Scooter, quando parecer uma coisa do acaso, pode ser a melhor desculpa que eles inventaram juntos.”

E nesse caso, o que ela me disse se encaixou perfeitamente. Os olhos dela mostravam que era mentira. Essas adolescentes de hoje são tão perversos quanto adultos da Máfia!

Entrei no quarto da (Seu nome) e não vi nenhum dos dois, até que forcei minha vista e vi os dois se pegando no banheiro. “Sabia!” pensei, “Eles não perdem nenhuma chance, nenhuma mesmo”. Eles estavam encostados na parede e vi que as mãos da (Seu nome) estavam dentro do short de Justin e me assustei. “Ela é mais safada do que aparenta”, disse para mim mesmo. Fechei a porta e deixei-os lá, se pegando.

Acho que fiquei uns minutos parado na porta esperando até que escutei um baque alto vindo da cama. “Será que eles passaram do banheiro para a cama?”, pensei “Meu deus!”. Bati na porta e escutei-os me mandarem entrar. Abri a porta e vi-os deitados na cama assistindo TV. Suspirei aliviado e sorri.

- Justin, já está tarde, nós temos que ir.
- Ah não Scott, eu quero dormir aqui, se você quiser marrentinha.
Ela deu de ombros e assentiu – Tanto faz.
- Então Justin, peça para a Senhorita Alyss. Se ela não deixar, pode ir se despedindo da sua namorada.
- Tá.

Ele levantou da cama e voou até a cozinha. Ri dele e sentei na cama.

- O que vocês estão assistindo?
- C.S.I., NY. Quer ver também? – ela sorriu gentilmente e neguei recusando sua pedida.
- Já estou de saída, se eu assistir agora, não vou querer parar.
Ela riu e assentiu – Tudo bem então.

Justin surgiu entre nós com um sorriso largo e estava estampado em seu rosto que a mãe de (Seu nome) o deixou dormir aqui.

- Ela deixou? (Seu nome) perguntou.
- Deixou!
Ele me olhou sorrindo e dei de ombros – então tá Justin, pode ficar aqui. Vou avisar sua mãe que você vai dormir fora. Até amanhã, garotos.
- Até, Scott! – eles falaram em conjunto e riram depois.

Fechei a porta e sorri. “Como ser adolescente é bom, espero que eles aproveitem essa fase”, pensei. Despedi-me de Alyss e voltei para o hotel, deixando Justin com sua namorada. Nem quero imaginar o que eles possam fazer juntos!
.........................................................................................................


Heey Girls *-* 

Garotas, eu tenho uma má notícia para dar a vocês. Olha, não sei o que deu na minha mãe, mas ela quer me deixar de castigo e eu vou ficar sem postar uns dias, eu acho. Mas, se tudo der certo (yn) ela não vai me deixar. Então, rezem por mim, por favor, não quero deixar vocês na mão! ):   

Caramba, o Scott é calculista até nisso. Que Justin atrevido... Mexendo nas coisas da (Seu nome)! haha

Como essa noite vai terminar? E o clipe? só no próximo capítulo! ;* 

Indicações:

-----------------------------------------------------------------------------
Respondendo comentários:

Imagine belieber: Carol, eu não costumo ler muitas, mas só as que me interessam. Por exemplo, a da Jakeline é ótima! Adorei a história dela até agora e tenho certeza que vai ser muito boa essa #IB. Eu sou mais de ler livros, sabe? Aquele Rangers - Ordem dos arqueiros que eu citei na #IB é muito bom, eu estou lendo a saga faz um tempinho, e eu recomendo esses livros. São muito bons. Espero ter respondido sua pergunta! :)

Marcelly: Obrigada pelos elogios! ;) Olha... Eu não conheço nenhuma não amore, so sorry ):

-----------------------------------------------------------------------------

Gostaram? Me avisem!
~~ 10 comentários? ~~ 

Giih sz

13 comentários:

  1. more começei a ler hj sua #ib e ja estou amando sz continuaa *-*

    ResponderExcluir
  2. Anônimo11:51

    PERFECT! Continuaa.. Eu vou passar esse final do mês na praia, então vou parar de ler um pouco! Aaah' mas vou super tentar entrar pelo BlackBerry!! o/ Eu amo sua #IB !!!! <3
    Beijos, Luisa

    ResponderExcluir
  3. Uuuuuoooou!!
    Que Hot (adoooro) 66'
    Ta mt foda a Ib.

    Coontinua DIVA!

    ResponderExcluir
  4. Olá , tudo bem ?
    Bom , estou aqui para ver se você poderia indicar meu blog : http://justinnbr.blogspot.com/ .
    Estou começando uma IB agora , se chama "Morrendo de amor" e conta a história de uma Modelo que se apaixona pelo filho da madrasta , que seria Pattie e Justin . Leia e veja o que achou do primeiro capitulo e se puder , indique! Obrigada desde já :)

    ResponderExcluir
  5. Alice12:37

    AAAAAIIN, EU PASSO AQUI TODO O DIA PRA VER SE TEM CAPITULO NOVO... CONTINUAA

    ResponderExcluir
  6. continua linda
    to amando a ib
    by: Jéh
    beijos

    ResponderExcluir
  7. AAAAAAAAAAAAAAAAAAA CONTINUAAAAAAAAAA

    ResponderExcluir
  8. AAAAAAAAAI MENINA EU COMECEI A RIR NA PARTE DO SCOOTER. AMO AMO ! SEGUE O MEU BLOG ? http://justimaginebeliebers.blogspot.com/
    Obrigada :)

    ResponderExcluir
  9. Que isso? Revistando meu guarda roupa agora é? Oushe '.'
    Esse Justin é um safado u.u E eu tbm. Ficar com as mãos na bunda dela...QUE DELÍCIA, UHSUAHSA' MEU SONHO!
    Ficou perfeito Gih! Amei!
    Continua ;)

    ResponderExcluir
  10. amei
    scooter estraga prazer u.u
    (literalmente ..hehe)
    continua lego amor O.O

    ResponderExcluir
  11. haha é parece que o Justin ta aprendendo direitinho a mentir.
    Continua gatinha

    ResponderExcluir
  12. aaaa tem q ter parte hooot kkk continua ta perfect

    ResponderExcluir