23.8.12

#IB - Believe In Everything: 53º Parte

Mode Justin on*

Estava sorrindo feito um idiota depois de ouvir a voz dela. Suspirei, mordi meus lábios e sentei na minha cama. Lembrei-me no dia da minha festa, que ela veio até meu quarto e ficamos só curtindo a presença um do outro. Sentir ela perto de mim, sua respiração em meu rosto, seus lábios nos meus. Droga, saudade mata.

Boyfriend estava sendo um sucesso mundial, minhas beliebers amaram – inclusive a Lulu, que já sabe que a música foi feita para ela. Na verdade, foi meio que inspirado em nós dois, mas, só nós precisamos saber disso. Queria poder ter visto a cara dela quando escutou a música pela primeira vez.

“Justin! Mas, como assim você coloca uma coisa que você disse pra mim?”, imaginei-a me dizendo isso e sorri.

Lembrei-me do seu sorriso que me faz sorrir só de olhar. Dos seus olhos de um tom lindo de verde-acinzentado. Nunca tinha visto uma cor de olho daquela. E os cabelos castanhos claros, quase loiros. Além de compridos, são lisos e sedosos. E cheirosos também. Seu rosto de boneca que se encaixa em um corpo tão... esbelto.

Quantas vezes eu vou pegar-me pensando nela?

É a quarta só hoje, eu acho. Preciso me ocupar com algo. Peguei uma das folhas das músicas do CD e escolhi outra que compus pensando na Lulu. Die in your arms. Era perfeita. Sorri, me imaginando lá com ela, abraçando-a por trás. Dá pra acreditar que eu fui me apaixonar por uma fã? Logo eu, que tenho namorada?  

Comecei a ler a letra da música e ia recordando do ritmo. Cantava baixinho, como se me imaginasse cantando para ela. Sentia-me tão bem cantando essa música. Era como se a Lulu estivesse aqui do meu lado, cantando comigo. Já depois de minutos cantando, repetindo várias vezes, escutei baterem na porta.

- Jus? Está ai? – era Selena.
- Estou sim Sel, entra.

Ela entrou no quarto e me olhou sorrindo, sentando do meu lado na cama.

- Ouvi você cantando. Dava pra sentir a emoção, Biebs.
Sorri, sem graça. – Eu só estava aquecendo minha voz.
- Mentiroso.

Rimos juntos. Mesmo eu estando com a Sel, não consigo mais vê-la como antes. Sei lá, o encanto se quebrou.

- Como foi com a banda?
- Ah, eu fui conversar com o meu empresário. Ele achou melhor eu me focar nos filmes agora, depois música.
- E que filme já planejaram?
- Não sei ainda, mas ele vai ver isso o mais rápido possível. E você? Ficou aqui sozinho a tarde toda?
- Não, o Alfredo saiu umas duas horas atrás. Tinha uns assuntos para resolver.
- E o que fez?
- Assisti a uns filmes, liguei para a Luísa, cantei... como você viu.

Selena riu e me olhou mordendo os lábios.

- E como ela está?                       
- Ela quem?
- A Luísa, Biebs.
- Ah, a Lulu tá bem. Parece que o irmão dela arranjou umas confusões e caiu tudo em cima dela. Mas ela disse que não era nada, então...
- Deve ser nada mesmo. E quando elas vão cantar outra vez?
- Perguntei isso também e ela me garantiu que iria pensar no caso. Quem sabe ela não canta Boyfriend?
- Seria muito legal se ela promovesse sua música assim.
- Eu não tinha pensado nisso, mas, só por ela cantar outra vez uma música minha, me sinto... bem.
- Por quê? – ela pareceu curiosa.
- Ah, sei lá. Ela fez sucesso cantando músicas minhas. Isso é bom, eu acho divertido.
- A voz dela também é bonita.
- Bonita? Só bonita? A voz da Lulu é incrivelmente linda! Me dá arrepios de ouvi-la cantando!
- Você já exagerou agora, Justin.
- É sério Sel.

Selena deu de ombros e sorriu triste. Não deveria ter dito isso, mas, saiu sem querer! Tenho que pensar antes de falar da Lulu.

- Você... gostava dela, Justin?

Olhei Selena com o cenho franzido e molhei meus lábios.

- Eu gosto dela sim, é uma garota incrível.
- Eu não quis dizer isso, Biebs. Pelo jeito que você fala dela, parece que você a ama.

Sabia que ela faria isso. Respirei fundo e deitei Sel em meus braços, enlacei-a e olhei em seus olhos, tentando demonstrar o que eu sentia por ela.

- Olha Sel, eu não vou mentir pra você. Quando eu vi a Lulu pela primeira vez, ouvi-a cantando, enfim, ela me pareceu ser divertida, entende? O jeito de ela cantar, a emoção... Me atraíram muito. Um talento nato.
- Ela é talentosa, realmente. Mas, você chegou a sentir algo por ela?

“Que droga, dá pra parar o interrogatório?”

- Que isso Selena, você acha que eu poderia fazer isso com você?
- Não, mas...
- Eu fui atrás de um talento. Me diverti muito com ela, além de ter feito amizades com vários amigos dela. Cantei, dancei, gravamos a música. Fiz tudo o que tinha de ser feito e voltei. Não foi pelo jeito que você está pensando. O Scooter também aprovou a idéia de nós irmos até São Paulo conversar com elas.

Selena mordeu seus lábios. Ela parecia tensa. Não queria demonstrar tensão, não queria que ela pensasse que um dia fui capaz de traí-la, mas, não foi intencional, só aconteceu. Não resisti. Também me culpo por isso, afinal, eu tenho namorada. Às vezes penso que a Lulu estava certa em pensar que nós dois não poderíamos ficar juntos agora, entretanto, quem sabe em um futuro próximo?

- Eu confio em você, Biebs. Mas aquele dia no clube, ela consegui me estressar. Como se quisesse te ter só pra ela. Eu pensei que você poderia...
- Não, eu não poderia fazer isso com você. Nós fomos à casa do pai dela, ela conversou com ele, ficou com um amigo dela, aliás, ex-namorado dela. Um tal de Dylan, eu acho.

“Esse cara me dá nos nervos.”, pensei, me lembrando do jeito que ele me olhava enciumado por estar com a Lulu.

- Ela já morou aqui em Atlanta?
- Não em Atlanta, em Las Vegas, com o pai dela. É uma longa história.
- Percebi.

Selena riu e a abracei. Agora aquele clima tenso havia sumido. Me senti aliviado e me deixei levar pelo abraço dela. Outra vez, me peguei pensando na Lulu, quando nós estávamos abraçados assim, na sua cama. E nos beijamos. Conseguia sentir seu cheiro e revirei os olhos, tentando tirá-la do meu pensamento.

- Justin?
- Sim?
- Quando vai cantar uma música sua pra mim? Queria escutar você cantando essa. – disse ela, apontando para a folha que ainda estava em minha mão.
- Tudo bem, eu canto.

Ela se virou para mim e fechei os olhos, me lembrando da melodia da música. Cantei para ela, porém, com a dona do meu coração no meu pensamento.

Mode Justin off*
............................................................................................................................

Hey Geliebers! 

Awn! Que fofo o Justin, sério. Será que a Selena desconfia deles dois? No próximo capítulo ;* 

Gostaram? Comentem!

xoxo, Gih. 

11 comentários:

  1. continuaaaaaaaa *----------------*

    ResponderExcluir
  2. Anônimo20:21

    Owwwwwwwwnt q linduuh, Meeeeoool Deus, eu gosto mais da Litte Angel mas adoro esse aqui hihi kisses

    ResponderExcluir
  3. Ownt que fof >.< continua logo táah Giih <3
    Bjinhoa, Júuh *---*

    ResponderExcluir
  4. aw eles tem que ficar juntos mds kkk
    continua bjs

    ResponderExcluir
  5. Justin vacilou aí, hein, magoou a Sel... enfim, continua logo!!!!!! Gi, eu sei que você é bem ocupada e tals mas, se der, faz capítulos maiores!!

    ResponderExcluir
  6. P.E.R.F.E.I.T.A!! Como sempre, néh? a saudade dos dois estão me matando :P !! XOXO :* @Viick6

    ResponderExcluir
  7. Anônimo19:57

    Continua :)

    ResponderExcluir
  8. Anônimo10:56

    Ameii :) continua linda

    ResponderExcluir
  9. Anônimo11:30

    Oi Gi!!! Eu fiz um presentinho pra você... Um banner pro blog, claro que não ficou as mil maravilhas porque editar dá muitooooo trabalho :c mas eu tentei, enfim, se quiser, é esse aqui: https://lh6.googleusercontent.com/-Yd0ArBdHH4c/UDpAd-9odNI/AAAAAAAAADw/0SzXYHj_pfI/s900/tumblr_m5okigoowX1qhft5ko2_1280.png
    Se você quiser um melhor e feito com mais cuidado, pede nos comentários de algum capítulo das imagines que eu providencio um com mais tempo e mais caprichado, então é só você dizer como quiser e tal. xoxo

    ResponderExcluir