5.10.12

#IB - Believe in Everything: 67º Parte

Meses depois.

Finalmente, as minhas merecidas férias chegaram!

Esses últimos meses foram muito corridos. Não sei como consegui fazer tantos mashups em tão pouco tempo. Foram uns 15, se não me engano. E todos fizeram um sucesso incrível, muitas músicas baixadas no iTunes e visualizações no canal dos gêmeos.  Falando em gêmeos, eu terminei com o Otávio nesse meio tempo. Ele não ficou tão contente com o fato, falou mal do Justin até não querer mais. E é claro que eu também falei demais, chorei demais e fiquei feliz por não estar com peso na consciência por isso.

Depois de terminar com o Otávio, eu e o Justin ficamos mais próximos. Falava com ele toda hora, em todos os tipos de meios possíveis. Ele até me mandou uma carta de quando ele estava na Noruega, falando dos shows promocionais da Believe Tour e que teve uma superlotação no show.

Agora tenho certeza de que ele é o meu homem.

Estávamos saindo da escola, gritando e dançando feito doidos, por ser o último dia de aula. Eu e Rafa fomos a pé e os gêmeos de skate. Mesmo que eu e o Otávio tenhamos terminado, eu não deixei a nossa amizade ser abalada. Apesar de ele não ser mais o mesmo comigo. Bem, eu nem ligo. Eu tenho um namorado perfeito e estou prestes a vê-lo!

- Você vai ter que ir mesmo para Atlanta, Lú? Vou sentir sua falta. – disse ela, fazendo biquinho.
Sorri, enlaçando meus braços em seu pescoço – Tenho sim. Meu pai está me esperando desde março, Rafa.
- Só o seu pai? – disse ela, sorrindo maliciosa.
Revirei os olhos, sorrindo em seguida. – Nem comenta, tá? Alguém pode ouvir.
- Tudo bem, desculpa. – disse ela, cabisbaixa.

Ri de Rafa e a deixei na porta de sua casa, me despedindo dela. Em seguida indo a minha, com lágrimas de saudade nos olhos. Sequei-as rapidamente e nem encontrei os meninos no caminho, mas mais tarde vou me despedir deles. Deixei minha mochila no quarto e vi minha mãe passando no corredor, com um monte de malas nas mãos.

- Oi mãe! – disse, já pegando algumas malas da mão dela – Deixa eu te ajudar, é muita coisa para uma pessoa só.

Minha mãe assentiu, agradecida. Descemos com as malas e paramos na porta, vendo Débora surgir na porta com malas cor-de-rosa também. Olhei-a incrédula e virei para minha mãe, que sorria alegremente.

- Minha nora! Você vai mesmo conosco? – disse minha mãe, pegando suas malas também.
- É capaz de ela paquerar o meu pai – disse, baixinho.
- Disse alguma coisa, filha?
- Eu? Não! - essa garota maldita vai estragar as minhas férias – Mãe, pode vir aqui um segundo?

Sarah me olhou sorrindo e subimos as escadas. Entrei no meu quarto e a olhei esbravejando, sentindo os meus olhos marejarem.

- Como você deixa ela ir com a gente, mãe?! Quer estragar as minhas férias?
- Eu acho uma ótima oportunidade de o seu pai conhecer a namorado seu irmão, já que eles estão há tanto tempo juntos!
- A Débora é uma v... – quando notei a palavra que iria usar, me contive.
- Não acredito que iria chamá-la assim, Luísa.
- Não estou mentindo – disse, cruzando os braços.
- Como pode provar?

Respirei fundo, querendo botar tudo pra fora. Mas não posso. Logo agora que iria ver o Justin outra vez.

- Não posso te dizer, mãe.
- Por quê?
- O Pedro vai ficar triste. – não consegui controlar as lágrimas só de imaginar meu irmãozinho chorando por causa de uma garota dessas.
Minha mãe viu meu estado e me abraçou, afagando meus cabelos. Respirava com dificuldade. Na hora certa, essa biscate vai ter o que merece.
- Enfim... se não quer me contar, a verdade será dita em breve. – ela afagou meus cabelos mais uma vez e secou meu rosto, olhando nos meus olhos – Lembre-se de que ninguém pode estragar a sua felicidade, e não precisa tomar dores do seu irmão. Ele já é grande o suficiente pra saber com quem ele está.

Assenti, mesmo sabendo que o que minha mãe dizia poderia não ser verdade. Terminei de pegar as malas e descemos. Enquanto minha mãe ia guardando as malas no carro, toquei a campainha do sobrado azul.

A mãe dos garotos apareceu na porta, me mandando esperar. Não demorou muito até eles dois surgirem no portão, o abrindo. Thiago me abraçou forte.

- Vou sentir sua falta, minha estrela – disse ele, com a voz vacilante.
Olhei em seus olhos e o vi chorando. Sequei suas lágrimas e o abracei outra vez.
- Também vou sentir sua falta, Thiago. Ainda mais de cantar com você.

O escutei rindo em meus ouvidos e já me senti melhor. Ele desprendeu seus braços dos meus e abracei Otávio em seguida, o sentindo molhar minha blusa.

- Desculpa se não fui o suficiente pra você, Lulu. Tomara que você e o Justin deem certo, porque se ele te machucar, pode ter certeza que aquele playba vai levar  porrada.

Ri dele e beijei sua bochecha em seguida, sorrindo. Não esperava essas palavras, mas isso só demonstra como ele foi amadurecendo com o tempo.

- Vou sentir sua falta – disse, deslizando meus dedos em seu rosto.

Otávio assentiu, chorando também. Terminamos nossa melosa despedida e entrei no carro, ainda chorando. Minha mãe e nem meu irmão disseram nada.

(...)

- Filha!

Avisei meu pai e corri até ele, pulando em seu colo. Abraçava-o tão forte, não queria mais deixá-lo ir.

- Filha, você está... – disse ele, fingindo estar sufocado.
- Mentiroso! – disse, rindo.

Desci de seu colo e olhei para aquela multidão. Entre todos eles, consegui ver aquele que deixou meu coração acelerado por vê-lo pela primeira vez em um palco de programa de talentos, que cantou comigo e me fez ganhar o grande prêmio. Aquele que passei uma semana romântica e criamos um mashup que vendeu milhões de downloads. O homem o qual me apaixonei em tão pouco tempo, e que me olhava sorrindo em meio as lágrimas que talvez não conseguiu conter também. 

Abracei Justin como nunca havia abraçado antes. Necessitava do seu toque, do seu carinho. Queria tanto poder beijá-lo, mas não aqui. Arrepiei-me com a sua respiração quente e irregular em meu pescoço, além das lágrimas que também caiam. Seu perfume invadia minha mente, fazendo lembrar-me dos momentos que passamos juntos, os mais felizes da minha vida.

- Finalmente, Lulu. – disse ele, olhando nos meus olhos. – Não sei como consegui viver sem você, meu amor.

Ele sorriu sereno, segurando na minha cintura. Que sorriso lindo. Apesar dos olhos um pouco vermelhos devido às lágrimas, ele estava lindo. Muito mais do que da última vez que o vi.

- Também não sei como vivi sem você, talvez eu arranjei forças por saber que iria te encontrar de novo.

Justin sorriu gentilmente e me tomou em seus braços. Repousava em seu peitoral, me lembrando de tudo. Do começo até hoje.

- O seu irmão trouxe a Débora junto com vocês?

Olhei para trás e vi os três um pouco atrás de nós. Pedro conversava com meu pai entre sorrisos, já Débora não conseguia disfarçar a sua raiva. Já até sei o que ela pensava.

- Infelizmente – comentei. – Eu quase contei a minha mãe sobre o que ela fez, mas, sabia que não poderia. Sabia que o Pedro sairia mal nisso tudo.
- Você vai ver, a máscara dela ainda vai cair e tudo irá se esclarecer.  

Sorri, me sentindo melhor.

- Tomara Biebs. – disse, o abraçando.

Ele beijou o topo de minha cabeça e me olhou nos olhos.

- Depois você não me escapa – disse ele, sorrindo.
- Como assim? – perguntei, confusa.
- Quando você for lá em casa, ninguém me segura. Vou te beijar até não querer mais. Se aqui não tivesse nenhum...

Ri dele e beijei sua bochecha.

- Você vai ficar na casa do seu pai? – perguntou ele, um tanto triste.
- Vou. Eu vim para vê-lo também, Justin.
- Mas eu queria que você ficasse na minha casa.

Ele fez um biquinho tão lindo, irresistível. Merda de paparazzi. Agora eu entendo do que o Justin estava falando.

- Quando eu descarregar minhas coisas, eu falo para ele te deixar na sua casa, tá?
- Ta bom. – disse ele, ainda com o biquinho.

Ri dele e meu pai e os namorados vieram até nós.

- Vamos? – perguntou meu pai.
- Sim – disse, pegando minha mala.
- Eu posso levar ela, Sr. Rodrigues? – perguntou Justin, sorrindo.
- O que eu te disse sobre o Senhor? Pode só me chamar de Luís, garoto. E pode levá-la sim.

Justin assentiu e fomos para fora do aeroporto. Justin estava com o seu Fisker e os paparazzi nos “atacaram” com seus flashes. Entramos no carro dele depois de colocarmos minha mala e nem esperamos meu pai, só corremos.

- Malditos. – disse ele, nervoso.
- Não se estresse a toa, Biebs.

Ele sorriu e mordeu os lábios. Depois me olhou de relance e estacionou o carro na frente do sobrado do meu pai. Estava até que mais ajeitado. A pintura era nova, de cor laranja. Tiramos a mala do carro e ficamos na porta, esperando eles chegarem.

O Justin correu tanto – não sei como os policiais não o pararam – que conseguiu chegar primeiro que o meu pai.

- Lulu, o que é aquilo? – disse ele, apontado para a rua.
- O que? – perguntei, curiosa.

Olhei para onde ele apontava e Justin segurou em meu rosto, me virando e me beijando em seguida. Sorri entre o beijo, sabendo que era alguma coisa do tipo que ele faria. Nossas línguas entraram em sincronia, dançavam calmamente. Suas mãos foram parar na minha cintura e as minhas no seu pescoço. Estava com saudade dessa boca, desse calor.

Paramos nosso beijo entre selinhos e sorri em seguida, deitando minha cabeça sobre o ombro dele. Era só o começo de um mês inteiro de férias. 
.........................................................................................................................

Hey Geliebers!

Bem vindas, leitoras novas ><

Awn, só eu amei esse reencontro? E agora? Será que a Débora vaie estragar tudo? E o aniversário dela, gente? Como vai ser? No próximo capítulo! ;*

Para a Thaynara Belieber.
Garota, vou ser sincera com você. Além de eu andar super corrida, eu estou mal sim. Mal de amor. Nem te conto, girl. O menino no qual me apaixonei é meu melhor amigo e, cara, a pior coisa que se tem é se apaixonar por um amigo. Eu não sei se ele só me vê como amiga ou como eu o vejo, mas tem uma questão mais complicada ainda. A minha melhor amiga também gosta dele, e eu acho que ele gosta dela. Ou seja, eu fico a sozinha da história. E isso tá me torturando demais, e eu não tenho coragem pra contar a ele que gosto dele. Tenho medo de perder a amizade. Ah, se a vida fosse como um filme, seria tão perfeito. 
Enfim, desabafei aqui. Desculpe se deixei vocês curiosas ou com raiva por não postar rápido, mas só agora que as minhas provas acabaram e eu tenho um super trabalho pra fazer até o final do mês. Espero que me entendam. 

Obrigado pelos 25 comentários *-*

Indicações:

Gostaram? Comentem!

E para um fim de post, eu vou colocar uma frase que eu achei super reflexiva, para diversificar um pouco.

"Não fique triste quando ninguém notar o que fez de bom, afinal... O sol faz um enorme espetáculo ao nascer, e mesmo assim, muita gente ainda continua dormindo" - Charles Chaplin. 

Amo vocês, Girls *-* 
Beijinhos, da Gih. 

36 comentários:

  1. AAAAAAAAAAAAAAAAAAAAAAAAAAAAAAAAAAAAAAAAAAAAAAH Nem preciso dizer que está perfeito né? E cara, como sempre está perfeito. Esse encontro? PERFEITO. Sem mais. Estou mega ansiosa pra saber o que irá acontecer nesse 1 mês que eles irão ficar juntos >.<

    ResponderExcluir
  2. omg,eu amo absolutamente todas as suas IBs, sério elas conseguem mexer cmg hahahahahahaha! vc poderia olhar meu blog? e ver oq acha? seria mt especial pra mimmm! é http://brasilplusbieber.blogspot.com.br/ thanksss

    ResponderExcluir
  3. continua flor adorei .....Ah flor eu te entendo sei como e isso mais eu to aqui para oq vc precisa minha linda ,vou te fala quando terminei com meu namorado vc q me ajudou fica o dia todo lendo suas IBS q sao incriveis e vc e maravilhosa .....não se esqueça q nosso anjo ama muito vc e eu tambem te amo flor Belieber Foreve Lembra Somos Irmãs s2 fica bem

    ResponderExcluir
  4. Pireeeeeeei nesse reencontro, continuaaa :)

    ResponderExcluir
  5. awwwwwwwwn que perfeito, preciso do próximo URGENTE *-*

    ResponderExcluir
  6. situação complicada a sua...
    enfim, ta muito bom e continue! indica?
    imaginejbeliebers.blogspot.com.br

    ResponderExcluir
  7. Hey não fica assim! Se for pra ele gostar de vc ele vai gostar! Deus esceve certo por linhas tortas não é? Sempre que precisar desabafar vamos estar aqui ok?

    AI QUE IB PERFEITA! OH GOSH! Eu to com muita dó do Pedro :CC VADIA ESSA DÉBORA VIU?! Toma no cú vadia! kkkkkkk Eu nem sou revoltada! kkkk AMANDO AMANDO AMANDO A IB! COntinua logo!! Bjokas @HAVESW4G

    ResponderExcluir
  8. awnn continua *u*

    ResponderExcluir
  9. U.U eu amo BIE!!! Beijos e SWAG!!

    ResponderExcluir
  10. Anônimo16:43

    Aaaiiiin, qe perfeito, continua divaa? Te amo <3

    ResponderExcluir
  11. É realmente dificil essa situação... Mas ñ é impossivel. Já tentou chamar os dois para conversar sobre isso? Vc tem muitas opções para resolver essa situação chata...
    1- se declarar para ele e saber oq ele sente por vc
    2- deixar sua amiga ficar com ele
    3- ficar se torturando e ñ fazer nada
    Pense bem nas suas inúmeras opções e depois decida. Mas em todas elas, tem o risco de ficar o clima chato entre vcs. Perder a amizade vc ñ perde, se ele for realmente seu amigo, vai entender.
    ~desculpe me intrometer~

    continua continua...

    ResponderExcluir
  12. Adoreei. Q reencontro lindo *-* , continua logo, bj :*

    (@_caamilaSoares)

    ResponderExcluir
  13. Isadora22:52

    Amei, continua logo. A ib esta perfeita

    ResponderExcluir
  14. Olá, sera que você pode divulgar pela milésima vez o meu blog?
    ai o link: http://dreamswithjustinbieber-isabelly.blogspot.com.br/p/divulgacao.html
    Obrigada, xoxo.

    ResponderExcluir
  15. Olá meninas,eu gostaria de saber se eu posso ser tipo de uma moderadora desse blog,eu amo demais esse blog e eu já tenho já quase uma historia pronta,eu gostaria de que voces ver a minha história! Muito Obrigada!
    Xoxo s2s2

    ResponderExcluir
  16. Este comentário foi removido pelo autor.

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Vei continua ta perfeito mais que perfeito u.u


      Mor sabe de alguém que quer uma parceira de blog ? Se souber me avisa no meu Twitter

      @MyWorld_Purple

      Excluir
  17. Anônimo21:52

    Perfeito! Continua! E posta logo Little Angel

    ResponderExcluir
  18. Anônimo22:14

    AMEIIIIII!!!!! ta perfeito contuniaaaaa!!!!
    e continua a little angel tbm!!! pleaseee!!!1<#

    ResponderExcluir
  19. Ameei c:
    Olha sobre o assunto dos seus amigos , chama eles pra conversar , é o unico jeito de você resolver isso [...] Boa sorte , serio tô torcendo por você.
    Hãm , você já tem alguém para fazer o template ? Se não , eu fei fazer , eu fiz o desses blogs :
    underground-little.blogspot.com.br &&'
    imaginebelieber-swaggie.blogspot.com.br
    Se quizer , fala comigo pelo twitter : @Cogumelos_roxos

    By: imaginebelieber-swaggie.blogspot.com.br

    ResponderExcluir
  20. É gata, eu sei como voce s esente, porque eu já passei por essa mesma situação, mas espera um pouco , você vai ver que tudo vai conspirar por voce, acredite! Bom, como eu to AMANDO, a.m.a.n.d.o acho que seria um honra, um sonho se voce indicasse meu blog? Poderia flor? Nossa, por favorzão! Okay, chega de falar gabi, é isso, to seguindo e acompanhando a história <3

    Aqui o link caso voce possa indicar: http://biebsfanfiction.blogspot.com.br/ :*

    ResponderExcluir
  21. Anônimo18:18

    continua flor ta perfeito *o*

    ResponderExcluir
  22. Anônimo19:35

    continua *---*

    ResponderExcluir
  23. Anônimo20:23

    continuaa floor

    ResponderExcluir
  24. Anônimo21:02

    Assim amor ta perfeitoo,mais se quiser posta uma IB do Jason McCann ou do Justin vampiro sabe,sei la kkk amo suas IB s. Beijoos

    ResponderExcluir
  25. Anônimo21:03

    Assim amor ta perfeitoo,mais se quiser posta uma IB do Jason McCann ou do Justin vampiro sabe,sei la kkk amo suas IB s. Beijoos

    ResponderExcluir
  26. Anônimo21:11

    Aaaah verdade ^. Posta sobre o Jason McCann ou sei lá se você achar legal
    |
    |

    ResponderExcluir
  27. continua pelo amor de deus ta mt bom, mt lindoooo

    ResponderExcluir
  28. Anônimo21:54

    aaaah continuuua *-*
    Sou nova leitora e amei o blog ><'
    S.M

    ResponderExcluir
  29. Anônimo20:28

    Aaah,vou morrer!!! Eu amei esse encontro! Na verdade amei tudo!Não tem como explicar a sensação de quando estou lendo slá' é muito bom!
    Continua Logo, estou ansiosa! :):):)

    ResponderExcluir
  30. meu deus garota sua personagem ficou sem beiço no final pq vivia mordendo os lábios inferiores eu hein vc ta carente.
    fica postando essas coisas aff

    ResponderExcluir
  31. Anônimo01:16

    Oi mô sou leitora nova e quer saber eu amoooopo sua #ib,mas falando sobre seu amor quase impossivel relatado a cima(presta atenção no quase)num fica assim nao isso ja aconteceu comigo e quer saber no final eu e minha amiga quebramos a carda pq ele era um Galinha com pós graduação quer saber se ele n te quiser liga não deve ser pq vc era d+++++++pro caminhazinho dele
    By:Bi

    ResponderExcluir
  32. Anônimo21:15

    Vai até que cap.????

    ResponderExcluir