3.12.12

#IB - Little Angel: Capítulo 42

O cheiro de terra úmida invadia minhas narinas. O barulho das folhagens me dava uma sensação de alívio. Abri meus olhos. O que vi era um céu escondido no meio de coníferas.  Ergui-me, vendo que vestia um vestido branco e solto. Meus cabelos estavam soltos e esvoaçaram com o vento. Observei o ambiente calmo e arborizado e notei estar em uma floresta. O vento batendo nas folhas era o barulho predominante. Comecei a caminhar pela floresta, sentindo a terra e a grama em meus pés e sorri ao ver esquilos no chão, com nozes e eles correram a me ver.

Andei até um riacho. Havia uma cachoeira linda ao lado e sentei em uma das pedras lisas. Era linda a paisagem. Mergulhei meus pés na água gelada e comecei a brincar com a água igual uma criança.

Escutei um barulho do outro lado do riacho e olhei para lá, vendo Sra. Stubin ali. Ela sorria e senti uma sensação boa ao vê-la e sorri de volta.

“Sua mãe te disse sobre meus poderes, não foi?”

Olhei para ela e franzi o cenho. Sua voz não havia saído de sua boca.

“Não estranhe, eu estou me comunicando como os sonhadores fazem.”

- Meu Deus. – sussurrei, olhando para a senhora.

“Seu pai sempre quis que você se tornasse uma sonhadora.”

- E eu irei me tornar uma? – perguntei.

“Comunique-se como eu, Angela.”

- Mas eu não sei como fazer isso, Sra. Stubin.

“O sonho é seu, é claro que você consegue.”

Ri dela e levantei, olhando para ela.

“E eu irei me tornar uma?” – perguntei, em pensamento. Não é tão difícil assim.

“Sim. Uma poderosa, assim como eu.”

“E você sabe quais serão os meus poderes?”

“Sei, mas não irei te contar.”

“Isso é injusto, Sra. Stubin!”

A senhora riu de mim e sumiu no meio das folhagens. Procurei-a com os olhos e duas mãos tamparam minha visão.

- Você será só minha agora.

Desesperei-me ao ouvir a voz de Liam. Soltei-me dele e o garoto segurou em meus braços, juntando nossos corpos e olhei nos olhos dele, sentindo-me fraca. Uma lágrima gelada escorreu de meus olhos e ele sorriu perverso e tomou meus lábios em seguida. Um beijo amargo, desprezível.

Abri os olhos e vi minha mãe ao meu lado, me olhando preocupada. Sentia meu coração acelerado e respirava ofegante. Maldito seja aquele desgraçado.

- Liam? – perguntou ela, molhando os lábios.

Assenti um pouco sentida, me aconchegando nos braços dela.

- O que acha de irmos mais tarde à casa da Pattie? Ela disse que faria um piquenique.
Sorri, me lembrando da mensagem do Justin. – Acho ótimo. O Justin havia me dito sobre esse piquenique, mas, será antes ou depois do almoço?
- Por quê?
- Esse sonho maldito me deixou com fome.

Minha mãe riu de mim e me abraçou com um sorriso lindo no rosto.

- Depois. Mas ainda é cedo, se quiser, eu preparo panquecas só para você.
- Mãe, não precisa, vai dar trabalho...
- Sua boba. Chamarei você quando estiverem prontas.

Ela levantou da cama e saiu do quarto. Aconcheguei-me nas cobertas e fechei os olhos, sentindo-o segurar fortemente em mim outra vez. Uma lágrima percorreu meu rosto e abri os olhos. Não quero mais pensar nisso. Peguei meu celular e vi que eram 08h23. O Justin deve estar dormindo à uma hora dessas. Levantei-me da cama e fui tomar um banho, pensando na parte boa do sonho. A Sra. Stubin disse que sabia quais seriam os meus poderes.

Também queria saber sobre eles. E, pensando nisso, não tive mais notícias dela. Sinto sua falta. Tomara que ela volte amanhã para eu limpar sua casa como de costume, ouvindo-a contando suas histórias.

Terminei meu banho, sequei-me e passei meu hidratante, indo para o quarto. Vesti um blusão qualquer e desci, vendo minha mãe mexendo com as panquecas e a abracei por trás, enterrando meu rosto em sua blusa.

- Eu também sinto falta dela, querida. Mas não sei te dizer onde ela está.
- Você disse que, se focasse em uma pessoa, ainda conseguia saber o futuro dela, não é? Não pode dizer a mim pelo menos quando ela voltará?
- Ela bloqueou sua mente.
- Como assim?
- Por ela ser telepata, conseguiu bloquear a mente dela para que eu não conseguisse rastreá-la, entende? Ela não quer que a encontremos, então o certo é esperar.

Suspirei, tirando meus braços envoltos nela e me escorei na pia, vendo-a virar as panquecas perfeitamente.

- Sonhei com ela, mãe. – disse, a fazendo olhar para mim. – E ela disse que sabia meus poderes.

- Então ela está melhor que eu!

Rimos.

- Você não me disse que ela podia adentrar nos sonhos das pessoas.
- Às vezes foi por ficção sua nesse assunto e não porque ela entrou nos seus sonhos.
- Mas ela pode fazer isso?

Minha mãe ficou em silêncio. Olhei para ela, esperando uma resposta. Carly surgiu na cozinha, bocejando e com seu ursinho na mão, o Chubby.

- Estava sentindo o cheiro do meu quarto e eu quero cinco só pra mim.
- Gulosa. – disse Rachel, rindo em seguida – Pode deixar filha. Volte para o quarto que eu as levarei na cama para você com um copo de leite, tudo bem?

Carly assentiu e voltou para o quarto. Minha mãe me olhou sorrindo e abaixei a cabeça, mordendo os lábios.

- Se importa se as primeiras forem dela? Assim nós teremos mais tempo para conversar.

Concordei e permanecemos em silêncio. Já vi que os poderes da Sra. Stubin são sigilosos o suficiente para que nem a “neta” dela saiba.

“Suponho que você saiba quase todos.”

Olhei para minha mãe ao ouvir essa voz e ela ainda estava concentrada nas panquecas, sem nem olhar para mim. Era a voz da Sra. Stubin.

“Quero que os descubra, Angela. Assim te contarei os seus.”

“Que injustiça, Sra. Stubin.” 



 - Angel?

Virei para minha mãe, a olhando atenta.

- O que foi? – perguntei.

Minha mãe me olhava com uma expressão de dúvida e a olhei de forma angustiada.

- Quando irão ficar prontas? – tentei tirar aquele clima constrangedor.
- Depende de quantas quiser.
- Três está bom.
- Ótimo.

Saí da cozinha e subi para o meu quarto, um pouco preocupada. Sentei-me na cama e abracei meu travesseiro, respirando fundo.

“Onde a senhora está?”

“Onde acha que estou?”

“Não faço a mínima ideia. Visitando algum parente?”

“Não, querida. – ela pareceu rir – Estou com o Charlie”.

“Como assim? Você... morreu?”

Outra vez, aquela risada tomou conta de minha mente. “Claro que não. Estou no cemitério, em Jacksonville.”

“E por que não me avisou que iria para lá? Fiquei preocupada.”

“Você ficou tão surpresa com a história dos poderes que nem me deixou dizer.”

Foi na quarta-feira que descobri todo esse mundo oculto dos nossos olhos e acabei ficando tão chocada que não deixei a Sra. Stubin terminar de falar. Suspirei triste.

“Desculpe-me. Eu fiquei...”

“Tudo bem, querida. Agora, vá comer as suas panquecas e tenha um bom piquenique com seu namorado.”   

Sorri, me imaginando com o Justin. Minha mãe surgiu na porta e olhei para ela, molhando os lábios.

- Estão prontas.

Assenti, pulando da cama e indo comer. Estava com muita fome.

- Filha...

Olhei para minha mãe enquanto mastigava as panquecas. – Hum? – murmurei, rindo em seguida.

- A Sra. Stubin foi uma sonhadora muito poderosa. Não se sabe ao certo todos os poderes dela, mas os que eu sei eu te disse.
- Tudo bem mãe, não precisa se preocupar.
- O que mais quer saber sobre os sonhadores?
- Por enquanto, nada. Se tiver alguma dúvida, te pergunto.
- Tudo bem.

Ficamos em silêncio e ela levantou da mesa, indo até a escada. Talvez ela foi ao quarto da Carly. Dei de ombros e continuei a comer as panquecas.

[...]

Toquei a campainha da casa do Justin e foi Jason quem atendeu.

- E ai Angel! – disse ele, me abraçando. Que fofo.
- Oi Jason.

O garoto se desprendeu de meus braços e olhou para Carly, sorrindo.

- Vem Carly, vamos jogar no Xbox antes que os amigos do Justin cheguem!
- Tudo bem.

Ri do que Jason disse e senti alguém me abraçar sobrenaturalmente. Aspirei aquele perfume estonteante e senti minha pele arrepiar com o toque dele.

- Estava com saudades. – sussurrou Justin, tocando seus lábios em minha orelha.

Ai meu deus. Por que ele me tortura desse jeito?

- Também estava – disse, com a voz falha.

Senti-o sorrir e ele beijou minha bochecha, olhando nos meus olhos em seguida. Fiquei hipnotizada com aquele mar caramelo. Fiquei praticamente um dia sem vê-lo e já estou assim?

- Não vai entrar?
- Oi?

Justin riu de mim e me puxou para dentro de sua casa. Ainda segurando em minha mão, ele me levou até o quintal e lá estava, no meio daquele imenso verde, debaixo da macieira, um pano xadrez vermelho e branco com uma cesta de piquenique e comidas e bebidas espalhadas por ela. Jeremy fritava hambúrgueres na sua churrasqueira elétrica e Pattie molhava suas flores.

- Mãe, pai... – disse ele, fazendo-os virarem e me verem ali.

Sorri um pouco envergonhada e Pattie abriu um longo sorriso e veio me abraçar.

- Querida... que bom que veio. – disse ela, me apertando.
- Não foi nada Pattie!
- Como vai a minha nora preferida? – disse Jeremy, sorrindo atrás de Pattie.

Senti minhas bochechas corarem e Pattie me soltou, com um sorriso no rosto.

- Vou bem, Jeremy.
- Está melhor? Fiquei preocupada com você.
- Estou sim Pattie, não se preocupe.
- Então tá... Rachel! – disse ela, saindo da minha frente e provavelmente abraçando minha mãe.
- Ela me disse que você passou mal ontem. – disse Jeremy, com um sorriso triste.
- Ah, eu passei sim, mas não foi nada demais. Minha pressão baixou, só isso. – sorri e Justin me abraçou por trás, mordendo minha bochecha.
- Não precisava de ela fazer todo aquele escarcéu, não acha Justin?
- Se você soubesse como ela ficou, Angel...
- Ei! Parem de falar de mim!

Nós três rimos dela e Justin me levou até a macieira e sentou escorado no tronco da enorme árvore. Sentei ao seu lado e ele me puxou, me encaixando entre suas pernas e coloquei mias mãos em seu peitoral, olhando nos olhos dele e vendo aquele sorriso lindo. Abaixei minha cabeça, sem graça, e ele me deitou em seu peito, enlaçando seus braços em volta de mim.

- Sonhei com você ontem. – disse ele, sorrindo.
- Awn, que fofo. E como foi?
- Não me lembro muito bem, só me lembro do seu rostinho de anjo.

Revirei os olhos e o selei, rindo em seguida.

- E você? Com o que sonhou?

Olhei-o um pouco incomodada e neguei, mordendo os lábios.

- Com nada de importante.
- Ah vai, me conta. – ele parecia curioso.
- Não foi um sonho muito legal, sabe?

“Conte-o, Angela.”

- Ah, foi um pesadelo?

“Sra. Stubin! Isso é hora de entrar no meu pensamento?”

- No começo não, mas no final sim. – disse um pouco confusa com o que pensar.

“Ele não irá ficar bravo. Muito pelo contrário.”

- Pode me contar só a parte boa, então?

“Tem certeza?”

Fiquei em silêncio. Olhei para os olhos dele e Justin me olhou aflito, me abraçando em seguida.

- Se não quiser me dizer, tudo bem.
- Não, eu vou dizer sim.

“Boa menina.”

- Valeu.
- Hã?
- Ah! Esquece. Me deixa contar. – disse, rindo – Eu estava em uma floresta, e eu vi a Sra. Stubin lá.
- E o que ela fez?
- Conversou comigo.
- Foi só isso?
- Sim. A parte boa sim.
- Ah... tudo bem. E o que ela te disse?

“Os poderes são confidenciais, Angela. Ele já sabe demais.”

- Algumas coisas dos sonhadores.

“Sra. Stubin, desculpe ser grossa, mas agora vai controlar o que digo? Ele é meu namorado, não vai sair por toda Atlanta contando sobre isso.”

- Mas, no seu pesadelo, ela estava presente?
- Não. Foi com o Liam, Justin.
- E o que aquele babaca fez com você?

Ri dele e me aconcheguei em meus braços. Sentia-me tão protegida.

- Me beijou a força. Mas eu acordei na hora. Foi tão... horrível.

Justin me abraçou forte e beijou minha testa.

- Eu já disse que ele não vai fazer nada com a gente, não disse? Então, não se preocupe. Se ele fizer algo com você, eu vou socar aquela cara até sangrar.
- Seu bobo. – disse, sorrindo.
- Alguém quer hambúrguer? – disse Jeremy, do outro lado do gramado.
- Eu! – disse Justin, me fazendo rir. – Quer um também? Eu pego pra você.
- Quero sim, por favor.

Separei nossos corpos e ele levantou, indo até seu pai e pegando os lanches. O resto da tarde foi muito divertido. Comemos muito, rimos muito. O Jeremy lutou com o Justin e eu e a Pattie torcendo pelos nossos amados. Acabou que o Jeremy foi nocauteado com um belo soco de direita e o Justin teve que sair correndo para não apanhar mais do pai dele. Foi muito engraçado.

Jogamos no Xbox e ganhei do Justin várias vezes no Guitar Hero. Adoro demais esse jogo, sou “viciada”, como a Carly sempre diz quando eu jogo. Minha mãe e Pattie saíram para comprar alguma coisa que não prestei atenção – estava tão concentrada na música que nem ouvi o que minha mãe me disse -, e deixei o controle de lado para ir tocar piano com o Justin.

Ele tocou a nossa música e até arrisquei tocar também, mas estou destreinada. Toquei Hey Jude com ele também, e cantamos. Eu acho minha voz horrível, mas de acordo com ele, minha voz é suave e doce. Se ele é um mentiroso? Sim ou claro?

Escutamos minha mãe me chamar quando ele iniciava outra música e levantei do banco, parando na escada. Ela disse que nós teríamos que ir embora e a olhei fazendo bico e Justin riu de mim, beijando minha bochecha.

- Vai Rachel, deixa a Angel ficar mais um pouco. Eu a levo mais tarde.
- É mãe. Não é sempre que eu tenho um namorado pra curtir.

Minha mãe me olhava com uma expressão severa e a desmanchou quando disse aquilo, rindo em seguida.

- Ah, Rachel! – disse Pattie, parando ao nosso lado com um cesto de roupas nas mãos – Deixe-a dormir aqui hoje! Seria uma honra!
- Mas Pattie, ela não trouxe nenhuma roupa...
- Mais tarde nós passamos lá e pegamos, não é amor? – disse Justin, me abraçando.
- É... – disse, sorrindo torto.
Minha mãe riu, cruzando os braços. – Tudo bem, eu deixo você ficar, Angela.
- Isso! – disse Justin, me rodando no ar e ria dele. – Obrigado Rachel!  
- Não foi nada, querido. Então, até mais tarde.
- Até! – dissemos em coro.

Minha mãe foi embora com Carly reclamando de que queria dormir também e Justin me olhava eufórico. Olhei para ele sem entender e comecei a rir.

- Já até sei o que vamos fazer.
- E o que será?
- Surpresa, amor.

E nisso ele me beijou, segurando forte em minha cintura. Coloquei minhas mãos ao redor de seu pescoço e acariciei seus cabelos macios. Era o início de uma longa noite.

***   
Hey Geliebers! 

Primeiramente, meninas, estou muito feliz. O blog tem mais de 1 milhão de visualizações! Ai meu Deus. Eu me lembro de ter entrado aqui quando havia apenas 100 mil. Se eu tenho orgulho de tudo isso? É claro! Mas eu não conseguiria sem vocês, meus amores. Obrigado por sempre lerem o blog, me apoiarem em tudo. Adoro vocês, demais. Fiz um big de presente por isso, viu? Enjoy (; 

E eu sei que é a vez de eu postar BIE. Mas, não postei por um motivo. Minha inspiração pra ela tá... sumindo, sei lá. Prometo que quarta feira, se eu estiver com cabeça pra escrever, eu posto ela, ok? Mas preciso de pelo menos de 20 comentários lá. 

Obrigado pelos selinhos, meninas. São tantos que eu estou meio perdida, não se preocupem, pois eu estou os organizando com calma. 

Girls, eu criei um facebook tipo, sábado, eu sei que vocês vão me chamar de atrasada ou coisa do tipo, mas eu realmente não gostava de facebook. E criei um por estar sem nada pra fazer e, se quiserem entrar em contato comigo, é Giovanna Amorim. Adoraria conversar com vocês *-*


Voltando para o blog, vocês acham mesmo que a Sra. Stubin sabe os poderes da Angel? Será que ela está mesmo em Jacksonville? E os poderes dela, quais serão? Quantas perguntas, não é? lol. 

O que será que vai rolar na casa do Biebs? Hm. No próximo capítulo, meninas!

Indicações:

Para a @iKidrauhlBR. 

Girl, eu entendo que cada uma tenha sua opinião sobre a história e aceito sua crítica, mas eu sei que você vai gostar quando descobrir o que a Angel pode fazer com os poderes dela. Desculpa se eu tornei a história chata pra você, mas ela é a que eu mais adoro no momento. você vai ver, ainda é só o começo. (: 

Gostaram? Comentem!

Para um fim de post, uma frase super linda do Charles Chaplin para vocês. 

"Falar sem aspas, amar sem interrogação, sonhar com reticências, viver sem ponto final." 

Awn, perfeita né? haha               

Beijos, da Gih. 

34 comentários:

  1. Awwwwwwwwwwn que peerfeeitos os dois ! *-*
    Coontinua Diiva , esta peerfeeita ^^
    Bjos *;

    ResponderExcluir
  2. Anônimo23:39

    Continua flor!! Esta prefeito!!! o que será que vai acontecer na casa do biebs?! Humm.... Hahahah!! Bieber kisses!!
    by:luuh

    ResponderExcluir
  3. Anônimo23:58

    @iKidrauhlBR aqui - Eu AMO essa #Imagine, pelo amor de Deus, não pense que não! hahhahaha É óbvio que vou continuar lendo, e vou esperar ansiosamente! hahahahahahah BEIJOS GATA <3

    ResponderExcluir
  4. Ta muito perfeito!!! Continuaaa to amando a IB! Bjs


    sonhemaisalto-belieber.blogspot.com.br

    ResponderExcluir
  5. Essa #IB é perfeita como todas as outras. A história é bem contada, bem elabora, é perfeita, sem mais. Como alguém não gosta dessa história? Ela é diferente, interessante, curiosa, e prende muita gente nela, por ela ser uma história diferente não como muitas outras por aí.
    Eu simplesmente amo essa sua história acho ela maravilhosa! Nunca vi uma historia assim sobre "sonhadores" , sobre esses poderes, isso é novo pra mim como pra muita gente daqui, aposto.
    Parabéns Gih, como sempre acaba dia que passa fica mais perfeita e interessante essa história.

    Saudades de você! :c
    xoxo, bia. ♥

    ResponderExcluir
  6. Tipo... caraca, eu não sei nem o que falar, essa estória dos sonhadores é de deixar a pessoa sem dormir. Como vc conssegue fazer isso comigo? Mas enfim, a história ta ótima, ~le eu anciosa para o proximo capitulo. O que vai rolar entre a Angel e o Justim. hm... ~le eu penssando maldade. kkkkkkkkkkkk a culpa não é minha. Ah, amo a sua IB, continua e me deixe feliz... :D

    ResponderExcluir
  7. Não tem nem o que falar dessa sua história. É a melhor que já li ! Continue logo

    ResponderExcluir
  8. Anônimo10:28

    Por favor indique o meu blog: fanfictionbd.blogspot.com
    Obrigada
    HappyKisses
    xxLela

    ResponderExcluir
  9. AHHHHHHHHHHHHHHHHHHHHHHHHHHHHHHHHHHHHHHHHHHHHHHH como assim oq vai rolar *abrindo espaço para a minha imaginação perversa??* kkkkkkkkkkkkkkkkkk Continuaaaaaaaaa

    ResponderExcluir
  10. Ficooo perfeitoooooooo , amo demais essa IB , não da pra explica. Continua logo

    ResponderExcluir
  11. ameeeeeeeeeeeeeeeeeeeeeeeeeei

    indica? http://imaginejbeliebers.blogspot.com.br/

    ResponderExcluir
  12. uma LONGA noite kkkkkkkkk pervertidos, continua logooo :)

    ResponderExcluir
  13. Ooooi, bem? Espero qe sim.
    Huuum... o qe será qe vai acontecer em? HEHE'
    Continua?
    Bjo, Larissa ><

    ResponderExcluir
  14. cara tá muito perfeita, vc tem twitter? estou anciosa para saber os poderes da Angel! um beijo :*

    ResponderExcluir
  15. perfeito amr, continua ><

    ResponderExcluir
  16. tenho dois selinhos para você no meu blog :D http://ladiesbiebers.blogspot.com.br/2012/12/mais-gente.html

    ResponderExcluir
  17. awn,vc escreve tão bem... hoje eu tava relendo uns capítulos de "the skater girl" e me deu uma saudade >.< mas tô amando muito "little angel",quando vejo que tem capítulo novo,dá vontade de sair saltitando por aí,mas prefiro ficar no pc pra não perder o capítulo kkkk continua logoooooo.
    selinho pra vc aqui: http://imagine-belieberauhl.blogspot.com.br/2012/12/2-selinhos.html

    ResponderExcluir
  18. OMG! Que capitulo perfeito. Sempre tem que ter o Liam para estragar tudo. Eu acredito que a Sra. Stubin saiba sim os poderes da Angela. O Justin é um amor, mas eu tenho medo que ele mude quando conseguir transar com a Angel. A Sra. Stubin fica cuidando da vida dos outros de longe, mó estranho, me deu até medinho kkkk Estou ansiosa para o próximo. Não tenho a minima noção d quais são os poderes da Angela, mas da sra. Stubin eu tenho uns palpites.

    ResponderExcluir
  19. OMB , não vei eles são lindos demais juntos , nossa eu acho que suas Imagine precisam de ... vejamos nada ! não precisa de nada ela e perfeita , eles nunca fizeram nada de errado , e pela primeira vez isso me agrada por que me contento com a historia dos sonhadores ai nem lembro dessas coisas , mais acho que a casa de Justin promete romantismo total da parte de Justin ~ SÓ ACHO ~ Bjoks linda Gih !

    ResponderExcluir
  20. Oi fofa! Tudo bom?
    OH MY GOD! ADOREI ESSE CAPÍTULO, ADOREI SEU BLOG, TUDO MUITO PERFEITO! GIH, VOCÊ ESCREVE MUITO BEM, PARABÉNS!

    Flor, eu te ajudo sim: Como o seu blog é Imagine Belieber já podemos ver que é do JB, então posso fazer um layout usando coisas do Justin, ex. imagens e png. Usando cores como preto, roxo, cinza e rosa. Deixando um layout bonito sem ser muito fechado e nem extravagante.
    Vou entregar seu layout ainda hoje (eu acho). No entanto, me manda um e-mail para: Layza-Contato@live.com dizendo a maneira que quer que eu envie.

    Beijos,Loves Fashion

    ResponderExcluir
  21. Selinho pra você princesa , ><
    http://imaginebeliebersdaianny.blogspot.com.br/2012/12/oi-oi-pessoas-lindas.html

    ResponderExcluir
  22. Anônimo17:23

    Se eu estou viciada na história? Sim ou claro? kkkk
    sério mesmo flor, eu sou apaixonada por essa história, ela entra fácilno meu top 3 de ibs! Mas enfim, continua logo flor*-*

    ResponderExcluir
  23. Amor, te dei um selinho http://imagineebelieberrr.blogspot.com.br/2012/12/mas-um-selinho-o.html

    ResponderExcluir
  24. Anônimo19:02

    continua!

    ResponderExcluir
  25. ai meu deus
    continua porfavorrrrr !!!!
    ansiosa beijos 

    ResponderExcluir
  26. Anônimo18:42

    awn eu adoro essa história quero ver no vai dar os poderes dela :D

    ResponderExcluir
  27. Anônimo03:30

    Por favor continua serio eu quase fui parar no hospital,cara pelo o amor que vc tem por o justin sua mãe sua vó continua


    by: Thais Alexandre

    ResponderExcluir
  28. Anônimo07:25

    posta logo o próximo capitulo, achei perfeito esse capitulo e estou super ansiosa para ler o próximo .

    ResponderExcluir
  29. Perfeito cara muito boom , pqp você é muito boa vei . EU AMO SUA IB não vejo a hora de a Angel ganhar os poderes dela . Amor por favor tem como você divulgar essa ib pra mim ? só que é com Jason McCan www.imaginando-jasonmccan.blogspot.com.

    Valeu minha gata

    xoxo Bruna.

    ResponderExcluir
  30. Amei, continua.
    Divulga meu blog? http://swag-swagonyou.blogspot.com.br/

    ResponderExcluir
  31. Anônimo14:38

    Continuaa, pleaseeeeeeeeeee , tá linda amr . /Vivs

    ResponderExcluir
  32. more eu to louca pra continuar a ler a sua ib é perfeita, eu li os 42 capitulos tdos hoje, vc escreve super bem e a historia é super perfeita.. Continua por favoooooooooooooooooooooooooor, to viciadaaa :3

    ResponderExcluir
  33. Anônimo14:51

    Ooooi!
    Bom, Esta tudo PERFEITO, MARAVILHOSO, tudo de booom!!
    Tem um livro sobre a história desses sonhadores néh'. Então, eu queria saber se vc poderia me falar o nome... Eu to muito curiosa pra ler esse livro e o próximo capítulo!!
    Se poder me avisa o nome, se não tiver nem um problema...
    Estou esperando ansiosa pelo próximo capítulo!
    Beijãooo, amo a IB e espero q a cada capítulo melhore mais e mais, que de tudo certo com a IB e tals'
    Eu amooo essa IB é linda, perfeita, bom acho q todas concordam comigo néh'
    Beeeeijo até o próximo capítulo ;D

    ResponderExcluir