4.7.13

Blue Jeans- Capítulo 47.

#Mode Alice On#

Já tinha arrumado minhas malas, comprado um voo e reservado um hotel. Chamei uma pessoa para me ajudar com as malas. Quando o funcionário chegou levou as malas e foi bem mais à frente de mim. Estava saindo de hotel quando sussurrei.

-Me deseje sorte.

Fechei a porta e fui até a recepção, onde fiz o check out e entrei no táxi que estava à minha espera. Estava chovendo forte, e como a chuva lágrimas escorriam em minha face. Segurava meus soluços, até que parei de chorar, pois estávamos chegando o aeroporto. Limpei minhas lágrimas e levantei a cabeça.

Saí do táxi e levei minhas malas até o check in. Lá eu liguei para Justin de novo e ele atendeu.

-Justin? Está no telefone? - disse animada.

Ele não me respondeu, mas ouvi um soluço, então continuei a falar com meu coração quebrado por ter feito isso com meu bebê.

-Biebs, eu sei que está aí, então eu quero que saiba que eu nunca te traíria. Eu te amo! E eu estou mal por fazer você chorar.
-Alice, você não me fez chorar, eu fiz.
-Como assim, Justin? -falei com medo da resposta.
-Alice, eu quero que você saiba que te amo e... - ele foi interrompido pelo barulho alto da informação que meu voo chegou.

Comecei a andar puxando minhas malas até o avião, ainda no telefone falando com Justin.

-Continua, Justin.
-E tudo o que eu fiz foi errado e momentâneo. Eu quero ficar com você, apenas com você. - entrei no avião e me sentei na cadeira enquanto Justin falava.
-Para de enrolar! Me fale logo! Eu sei que ficou bêbado e se for isso, não foi grande coisa. - falei e depois a aeromoça falou para apertarem os cintos porque o avião iria decolar.
-Alice, eu... de raiva da noticia da TMZ... Eu... Te traí e... - a ligação caiu, pois decolamos.

Minha boca se abriu, não acreditava, eu não conseguia acreditar, o Justin, meu Justin, não tão meu depois disso. 

Como estava no lugar onde fica a janelinha, me virei onde ninguém me veria chorar. 

Por que tudo que faço é chorar?!

#Mode Justin On#

Depois de sair do banho, estava colocando minha blusa, quando minha mãe bate na porta. Com as batidas Jade acorda e  se esconde nas cobertas de vergonha.

-Justin querido, acorde. Está na hora do almoço.

Joguei suas roupas intimas e o vestido para Jade, então ela se vestiu rapidamente.

-Justin! Acorde, filho! Se não acordar eu vou entrar aí com a chave reserva!

Minha janela dava para um local fechado, Jade não conseguiria sair de lá. 

-Última chance de você me responder Justin Drew Bieber!
-Mãe... Eu estou me trocando... Espere um pouco e já vou! - disse entregando os sapatos de Jade em suas mãos.
-Querido, você saiu de dentro de mim. Não tem tem problema eu te ver. Abra a porta.

Eu achei uma solução. Jade se escondeu no box do meu banheiro e fechei a porta esperando que minha mãe não visse.

Abri a porta e minha mãe entrou.

-Ponha calça, agora. Já está adulto para ficar no seu quarto sem calça!
-Tudo bem.

Terminei de me vestir e fui almoçar. Rezamos e quando começo comer, minha mãe fala comigo.

-Então Justin, o que fez ontem? Dormiu bem? - quase engasguei a comida quando ela terminou a frase.
-Claro. Não se preocupe, bebi apenas refrigerantes. - disse depois de recuperar minha voz.
-Não foi exatamente isso que quis dizer... - Dona Pattie disse, então Kenny e Scooter se entreolharam.
-Adorei o frango - disse cínico.
-Eu não faço a comida aqui faz muito tempo, não devia me agradecer. Sabia que nossa funcionária é loira. Você gosta da comida de loiras?
-Mãe! Vou levar meu prato para meu quarto.
-É claro. Onde mais você iria comer? - disse Scooter rindo.
-Scooter! Até você?

Scooter deu de ombros e fui para meu quarto.

Jade ainda estava em meu banheiro, a tirei de lá e ela saiu da casa pela porta de entrada, mesmo. 

Minha mãe me chamou em seu quarto. Fui até lá e bati na porta.

-Entre. - minha mãe ordenou.
-Oi mãe, o que quer falar comigo? - disse entrando no quarto.
-Sente-se aqui do meu lado. - ele disse apontando para seu lado.

Me sente e ela respirou fundo.

-Justin, eu sei que tinha uma menina loira lá no seu quarto. Me fale direitinho o que aconteceu. Você traiu a Alice? Pelo o que eu saiba vocês não terminaram, ao invés disso, você estava em um bar. Podia ter conversado com ela, se queria terminar falasse para ela antes de traí-la.
-Mãe, eu sei, eu fiz uma coisa totalmente errada, mas eu nunca vou querer me separar de Alice. Eu achava que ela teria me traído, saiu em revistas e sites então eu fique tão confuso, pois ela me deixou e não sei o motivo.
-Dúvidas matam a confiança, mas você deveria ter falado com ela antes de ser um cachorro! - ela deu um tapinha no meu ombro.
-Ai, mãe! Sem agressão física! Vou te denunciar. - disse com biquinho.
-Para de manha, Justin. - ela disse rindo.
-Mas eu prefiro sua violência do que suas piadinhas de segundas intenções.
-Estava tentando ser uma mãe moderninha.

Meu celular tocou em meu bolso, era Alice. Fui para meu quarto e atendi.


-Justin? Está no telefone? - ela disse animada.

Uma lágrima escorreu de raiva de mim mesmo! Como eu fiz isso com ela? Não conseguia falar nada, mas sabia o que deveria contar.

-Biebs, eu sei que está aí, então eu quero que saiba que eu nunca te traíria. Eu te amo! E eu estou mal por fazer você chorar.
-Alice, você não me fez chorar, eu fiz.
-Como assim, Justin? - ela falou baixo, meio receosa.
-Alice, eu quero que você saia que te amo e... - um barulho me interrompeu.
-Continua, Justin.
-E tudo o que eu fiz foi errado e momentâneo. Eu quero ficar com você, apenas com você.
-Para de enrolar! Me fale logo! Eu sei que ficou bêbado e se for isso, não foi grande coisa.

Tá bom, ela sabe até disso. Nossa como é difícil dizer verdades, um nó parece se apertar na sua garganta e no seu coração.

-Alice, eu... de raiva da noticia da TMZ... Eu... Te traí e... - a ligação caiu. 

Eu falei, eu não acredito que consegui falar e não me explicar! Eu tenho que falar com ela e me explicar melhor e tenho que saber se ela me perdoa. Liguei de novo, e de novo com todas as tentativas com falhas de conexão. E se ela nunca for me perdoar?


#Mode Alice On#

Cheguei à meu hotel em Pittsburgh, estava acabada, bem, amanhã eu tenho uma busca  para fazer. Tenho que estar descansada.

Coloquei meu pijama e fui dormir imediatamente.

(...)

Acordei com o toque de meu celular. Atendi sem ver quem era.

-Alô? - disse parecendo uma múmia.
-Alice, que bom que consegui falar com você! - era Justin.
-Justin não tente se explicar, isso é muito sério! Não estou com cabeça para conversar isso agora! - disse ainda deitada na cama - Até aprecio você ter acordado umas cinco da manhã para me falar isso.
-Que cinco horas, Alice? Agora são nove e meia.
-Nove e meia?! Então aqui deve ser... Meio dia e meio! Que bosta! Quando estiver pronta te ligo, até lá, sofra! - desliguei na cara do cretino.

Pulei da cama e fui me arrumar. Coloquei uma roupa quente e confortável.



Não almocei, não me sentia com muita fome. 

(...)

Já tinha encontrado o orfanato, estava entrando. Era bem precário e sujo, ecoava o choro de uma criança. Entrei na parte do escritório. Era bem mais limpo, porém tinha uma impressão de velho. Estava vazio, uma mulher entrou pela mesma porta que eu entrei, ela parecia ter uns quarenta anos, seu cabelo estava arrumado em um coque com alguns fios brancos se sobressaindo. 

-Olá senhorita, o que precisa? -  ela disse se sentando na cadeira.
-Hum, eu queria algumas informações sobre uma criança que já deve ter saído daqui há bastante tempo.
-Não podemos dar certas informações.
-Qual seria o custo destas informações?
-50 por pergunta.
-Tudo bem. - peguei minha carteira, coloquei 150 dólares na mesa dela e me sentei - Agora, eu quero saber sobre Lauren Raison. Ela falava algo sobre algum familiar ou parente?
-Geralmente falava que iria ficar no orfanato para sempre porque sua mãe não poderia busca-la.
-Ela foi adotada?
-Não. Ela foi despejada quando tinha dezesseis.
-Ela tinha algum sonho?
-Sim. Quando ela era pequena sonhava em ser uma popstar, e depois ela continuou com o sonho, mas não acreditava que iria conseguir.
-Tem... - a mulher me interrompeu.
-Abasteça ou vá embora. 

Mercenária capitalista de merda! Coloquei mais 200.

-Tem alguma ideia de onde ela esteja?
-Não, mas meu palpite é que ela esteja em algum bar cantando.
-Tinha alguma cidade que ela gostava?
-Bem, ela dizia que gostava de climas quentes como o de Los Angeles, mas ela também dizia que Nova York era intrigante e gostava de lá.
-Qual era seu estilo de roupas e música?
-Quando criança eram roupas mais clarinhas e fofinhas, porém aos 14 começou a usar roupas curtas, rasgadas, e ficou mais sexy. E ela sempre gostou de musicas depressivas.
-Como estava a aparência dela quando saiu daqui? Tipo o cabelo, corpo e tudo mais.
-Ela estava com a pele bronzeada, o cabelo, eu diria meio crespo, ondulado. Lauren sempre teve um corpo bem desenvolvido, porém sempre estava magra. Olhos castanhos. Isso é tudo de que me lembro do físico.
-As perguntas acabaram. - disse seca.

Me levantei e sai da sala.

Eu não acredito que saí de Nova York a toa! Agora não posso gastar tanto dinheiro em passagens de avião. Vou de táxi, deve me economizar uns 100 reais.

(...)

Estava no táxi, em direção a Nova York, quando meu celular vibra e vejo que é uma mensagem por kik da Gabi. 


Gabi: Ali, tem jeito de você falar com Josh agora?

Ali: Ele está disponível?

Gabi: Está. 

Ali: Então entre no Skype e coloque ele para falar comigo.

Gabi: Tudo bem.

Coloquei no Skype e esperei eles responderem minha chamada. Quando responderam, vi que Josh estava sentado na cadeira, emburrado com Gabi o segurando lá.

-Oi, Josh. - disse fingindo estar animada.
-Raison. - ele fez um comprimento com a cabeça seco e sua voz com raiva e os olhinhos brilhando esperando eu ser magoada com isso. Ele deveria saber da minha família.
-Olhe isso, Ali! - Gabi pegou o pulso de Josh, abaixou as mangas, que deu para ver sua tatuagem pequena ainda inflamada ao redor - ele voltou para casa com isso, hoje.
-Josh! Por que anda com esse pessoal? - disse preocupada.
-Por que eles são mais legais dos que eu costumava andar.
-Sério? Está tentando me fazer ciúmes ou me deixar triste? Não funcionou, mas fiquei triste por você estar desse jeito.
-Alice, não finja que se importa comigo. - ele iria sair da cadeira, mas Gabi pressionou seus ombros para baixo e ele se sentou.
-Se você acha que não me importo com você esse grupo que está te deu muita maconha.
-Talvez eles tenham!
-E talvez você tenha se tornado um babaca mimado se fingindo de rebelde porque alguém não te deu o que queria e te rejeitou uma vez na vida! - disse rápido e alto.

Josh ficou em silêncio, parecia magoado.

-Você tem que aprender a lidar com os problemas! Não virar um falso badboy! Virar revoltadinho não vai te dar satisfação, nem nada do que você queira, além de você estragar seu futuro e desperdiçar seu tempo!
-Já ouvi o bastante, Gabi. Agora me deixe sair! - ele tentou sair mas Gabi era forte, ela sempre foi.
-Você vai assimilar, ouvir e ser assombrado pela verdade e eu que vou me assegurar disso. - ela disse segurando-o na cadeira.
-Pode deixar ele, Gabi. Aposto que ele ouviu a verdade direitinho.

Gabi soltou Josh e ele foi para seu quarto.

-Ali, você foi demais! Aposto que se eu falasse estas coisas, não teria o mesmo impacto que você.
-O que posso fazer se eu brilho demais?
-Enfim, valeu.
-Tudo bem, Gabi.
-Tchau.
-Beijos.

Saí do chat com Gabi e guardei meu celular.

-------------------------------------

Gostaram do capítulo? Continuem comentando, então. ;)

Agora vou falar de assuntos meio pessoais sobre o que eu achei de alguns comentários.

Sabe, eu sei que eu erro! Eu sei! E eu também sei que um monte de outras pessoas erram e vocês não as criticam todo a capítulo que elas postam. O que me magoa é que todo o capítulo que eu posto, se sobressaem meus erros para vocês, pessoas que são, comigo, críticas e meticulosas. E eu acho que quem comenta e gosta nem devia perder o tempo lendo isso, porque vocês são incríveis. 

Eu sei que a Anony do capítulo passado se desculpou, mas isso me doeu. Ela usou do sarcasmo e da ironia, porém só depois que minhas amigas foram lá e a criticaram ela falou, o que ela pensou e o que seria melhor de se ter comentado.

Ultima coisa no meu momento revoltada:

Não me comparem com minha prima.

Giovanna é uma pessoa extraordinária, eu sei disso, porém eu odeio quando me comparam com outra pessoa, me faz sentir inferior. Mesmo que a minha história não seja tão inesquecível e brilhante como LA, não gosto de pessoas me falando: "Ai, mas nãoseiquemlá faz assim, então porque você não faz?". Você tem que se preocupar com você e o seu jeito de ser e não se comparar com uma pessoa, para ver se você é tão boa quanto ela.

Desculpem se fui grossa, se alguma de vocês se ofendeu, não se ofendam. Não gosto de ser rude, nem chata e muito menos uma pessoa neurótica. Se algum desses adjetivos vocês acham que se adequou com meu desabafo ali em cima, não foi isso que quis passar.

Saindo da minha revolta, vamos para meu lado mais lesgal.(palavra é assim mesmo)

Coisas e mais coisas sobre o passado! lol

UI, Alice deu uma dura no Josh! Vamos ver se ele toma jeito agora.

Justin se abriu para Alice, mas não se deu muito bem, não. Afinal quem iria se dar bem confessando isso para a namorada?

Agora mudando mais para um ladinho pessoal:

Parabéns capricho! É a segunda vez que você acerta um teste que eu faço de muitos! 

O teste era:

"Qual música do disco DEMI, da Demi Lovato, você seria?"


E a capricho acertou na descrição e na música:

"Really Don't Care
A música de Demi com Cher Lloyd é incrível. A letra fala sobre uma garota que superou um cara errado e, ufa, já não está mais nem aí para ele e, aconteça o que acontecer, não vai aceitá-lo de volta. Uh, girl power!"


Bem, é uma história longa, então se formos fazer um vlog para alguma coisa especial, eu dou um resuminho :/

Respondendo comentários:

Gaby:
"Mas,então, meio q entrando em outro assunto, queria te perguntar em q site vc comprou seus ingressos para BELIEVE TOUR? É q muitos sites não são confiáveis então.... e se no site q vc comprou vende aqui pro Brasil também."

Resposta:
Gaby, existe a pré-venda e a venda aberta. A pré-venda é só para membros da Bieber Fever(Tem que pagar), onde eu e a Gih nos cadastramos em uma conta, apenas, pois pode ser comprado mais de dois ingressos. A pré-venda ainda está por vir, exatamente, amanhã, sexta-feira. Já a venda pública, você não precisa pagar nenhum cadastro e será no site do tickets for fun, no dia 15. Para mais informações entre na biebermania, ok?

Brendha Araújo:
"Ta otima... so nao entendi uma coisa.. Ela tinha sido traficada, mas agr e filha da "tia" dela? to meio perdida kk.. mas ficou muito bom"
Resposta:
Vamos retomar...
No capítulo 42, eu acho, tem um Flashback que mostra o pai de Alice e a mãe fugindo para o Brasil com ela, ou seja, eles pegaram o bebê de Isabelle nos EUA e fugiram para o Brasil. Se não clareou suas ideias pode perguntar de novo e faço uma explicação mais detalhada com trechos.
Divulgando:
http://iimaginebeliieber-br.blogspot.com

  Vejo vocês na próxima postagem,  
  Duda <3  

20 comentários:

  1. divulga o meu ?? imaginebelieber6589.blogspot.com
    E continuaaa, eu to doida pra saber o que o Justin vai fazer.. ELA vai conseguir achar a irmã dela ?? OMG continuaa pleassee

    ResponderExcluir
  2. Amei o cap Duda e não ligue pra essas pesdoas que falam mal e te rebaixam, vc é demais ok. E vei o Jus conto pra Ali que traiu ela coitada e tomara que Josh tome juizo agr. Continua logo anjo

    ResponderExcluir
  3. Acho q nem tem oq falar né maria? está P-E-R-F-E-I-T-O, eu espero q ela perdoe o jus pq né? ele errou mas tadinho, nao vejo a hora dela achar a irmã, acho q é isso bieberkiss
    <3

    ResponderExcluir
  4. Anônimo15:09

    continua linda, próximo caítulo :) <3

    ResponderExcluir
  5. Anônimo15:11

    podem ler please :) <3
    http://www.wattpad.com/16532700-river-flows-in-you#.UdXItphWIfU

    ResponderExcluir
  6. está ótima. Os erros ortográficos são o de menos, o importante é passar adiante o que quer na história. Você escreve bem.
    E estou muito curiosa para saber o final dessa procura da Faith.
    Continua...

    ResponderExcluir
  7. Amei o capitulo,quero que a Alice enconter a irma dela..mas acho qu quero mesmo e que ela e o justin se acertem :) Contnuaaa ta perfeito!!

    ResponderExcluir
  8. http://fanficsjustinbieberr.blogspot.com.br/ capitulo novo , continuaaa flor e divulga para mim please

    ResponderExcluir
  9. oioi , sei que é chato isso mas tem como divulgar pra mim ??http://imaginem-se-belieber.blogspot.com.br/ eu comecei agora e nao tem tipo ninguem lendo e to tentando divulgar

    ResponderExcluir
  10. Anônimo18:31

    Continua!

    ResponderExcluir
  11. Cooontinuaa flooor to amandoo, ela tem que perdoar o Jus poxa ele ficou confuso com a noticia rsrsrs !

    ResponderExcluir
  12. nossa amore ta perfeito eu amo essa historia mais não se preocupa com as criticas não vc é uma otima escritora e vc tem que ser importar com a opiniao do seu leitores as pessoas julgam mais em vez de faser melhor não fas mais so pensa que tem pessoas que amam sua historia e vam te um ataque se vc não continuar bjs anciosa pelo proximo capitulo!

    ResponderExcluir
  13. Brunna Breezy21:01

    Continua plmds , ta perfeita :3

    ResponderExcluir
  14. A tá entendi. Continua to anciosa pra saber como vai ficar a situação entre o Justin e a Ali e em relação a tudo rsrs

    ResponderExcluir
  15. Oque?Eu não tinha comentando?WTF Amanda?
    Cara eu sou muito burra '-' não me culpe, baby i just born this way ♪ tá ok,parei.
    Mas enfim amore,sorry por não comentar antes.Eu acho que eu tava perdida demais na semana que vc postou e tals but ok.
    Aqui amore,simplesmente quero elogiar a sua IB quando você entrou no blog,eu não te comparo com a Gih e tals,por que cada um tem seu estilo de escrever.E o seu amei *-*
    cara,tá de parabéns com a IB que desde da parte que você começou a escrever quando a Gih Florio saiu,você parecia ter algumas idéias dela também.Além do mais,você escreve muito bem.
    Voltando ao capitulo de hoje (bom quer dizer do dia 4/7),eu amei,e,não vejo a hora dela econtrar a sua irmã (bom eu acho),e eu quero que ela e o Justin se encontrem e sejam felizes para sempre!Eeeee...não não.auhsauhs mas enfim amore,(tenho mania de chamar as pessoas assim néh?)continua viu flor?Tava perfeito o cap.<3
    Beijocas!

    ResponderExcluir
  16. Divulga meu blog? ele é de imagine belieber e directioner começei ele agora e adoraria se divulgasse . obrigado.
    http://imagine-directioner-e-belieber.blogspot.com.br/

    ResponderExcluir
  17. selinho anjo http://dream-with-bieber.blogspot.com.br/

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Flor, eu não achei o selinho. Pode Colocar o link de novo ver se está correto?

      Excluir
  18. Oiii flor, sou uma leitora nova é...se não for pedir demais termina a fic Little angel? eu amo essa fic :)

    ResponderExcluir
  19. Anônimo01:41

    PERFEITO TO AMANDO! CONTINUA..
    By:_fuckmejustin_

    ResponderExcluir