10.9.13

Somebody To Love - Capítulo 6 - Outra saída.

#Mode Justin On#

-Justin! - Courtney disse e me abraçou. - Pode ir entrando.
-Valeu por me convidar. A Selena está em casa e ela quer reatar.
-Mas você pensa igualmente?
-Não, eu já te disse isso.
-Confirmando, baby.


Cheguei e vi Anne ainda arrumando (cortem a cabeça junto com o colar dessa oriental) sua meia calça. Anne é extremamente bonita mas roupas alegres não a matariam, isso é apenas minha opinião.

-O que está olhando, Bieber? - Ela me disse sem parar o que estava fazendo.
-Nada.

Ela pegou as botas ao seu lado e depois disse seca:

-Resposta boa.
-Vem logo, Jus. - disse Courtney me puxando pelo braço - Essa aí que está atrasada.
-Que estranho você dizendo isso senhorita Brown - Anne disse e Court mostrou a língua para ela.

Ela me puxou para seu quarto, que era bem legal e feminino, eu duvido que Anne teria um quarto assim.

-Eu queria te perguntar umas coisas Justin... - ela me disse e se sentou em sua cama.
-Como fã ou amiga? - perguntei olhando seu quarto.
-Como amiga. Por que você fez aquilo com a Anne?

Meu coração começou a bater mais forte e minhas mãos a suarem. Ela sabia de algo a mais?

-Como? - falei dando a intenção de que não tinha intendido.
-Aquilo... Quando você passou a mão dela por você e...

Virei-me para Courtney e molhei os lábios.

Contar a verdade está fora de cogitação. Anne me mataria ou nunca mais falaria comigo pelo resto de minha vida. Ainda bem que tem outra saída.

-Assim? - disse passando a mão dela em meus braços igual fiz com Anne.

Court acompanhava sua mão com o olhar. Sim, eu vou fingir que gosto dela, eu sei que eu  vou morrer e não vou ter lugar no céu, mas ok.

-Essa é a resposta? Você só é assanhado? - ri da pergunta de Courtney.
-Não. A resposta é que eu gosto de irritar minhas... - estava tentando dizer futuras namoradas mas a mentira saia de minha garganta - amigas e você é bonita e engraçada.

Cheguei mais perto alguns centímetros, nada de mais. Courtney deu um sorrisinho e chegou mais perto significativamente.Tomei a iniciativa mesmo não querendo, encostei meu lábio com o de Court depois ela pediu a passagem da língua.

Nós dois ouvimos passos, passos mais característicos dos sapatos pretos de Anne, por isso nós dois nos separamos e nos sentamos na cama fingindo um diálogo.

-Vamos chegar atrasados se os dois não pararem com a conversinha - Anne disse encostada na porta.
-Tudo bem, Clarke. 
-Cala a boca, Bieber - ela disse em um tom zombeteiro o meu sobrenome.

Courtney me puxou pelo braço até a sala de jantar em uma cadeira perto dela.

-Aqui devia ser o lugar da Anne, sua amiga deve sentar perto de você, Court - disse me levantando.
-Não. - ela disse autoritária e me puxou para baixo me fazendo sentar na cadeira - Ela vem do outro lado.
-Tenho cavalheirismo, as damas primeiro.
-Anne não é dama.
-Pare de responder por mim DROGA! Sente onde QUISER JUSTIN! E se ele quiser,  Courtney! - Anne disse descontrolada, ela gritava e depois voltava a apenas um tom bravo.
-Anne você está bem?
-Acho que estou sem fome, Court.

Annie saiu da sala de jantar e Courtney foi atrás dela. Depois disso ouço gritos e um barulho de algo se chocando, parece vidro.

#Mode Anne On#

Terminei de calçar meu sapato, agora vou participar da discussão sobre o porquê de Bieber ter dado em cima de mim e ajudar ele nas respostas, afinal, se você quer que algo de certo você tem que fazer ou colocar alguém muito bom para fazer isso, mas com certeza não é o caso de Justin.

-Essa é a resposta? Você só é assanhado? - ouvi a voz Courtney no corredor, mas ela parecia estar gostando, não parecia um tom meio exigente da verdade ou brava. O que deve estar acontecendo?

A porta estava entreaberta e vi com meus próprios olhos Justin quase se agarrando com minha melhor amiga.

-Não. A resposta é que eu gosto de irritar minhas... amigas e você é bonita e engraçada - Justin respondeu para ela.

Eu não acredito que ele estava mentindo para mim esse tempo todo! Não era porra nenhuma de juntar Court com o amigo dele, era tudo uma desculpinha esfarrapada para minha amiga servir de segunda opção.

Homens, eles querem apenas nos usar e jogar fora quando se cansam, eu sei que essa é uma frase que todos falam, mas é a pura verdade.

Eu vou admitir que estou começando a sentir ciúmes quando eles se beijaram, por isso vou voltar meu caminho e fazer passos pesados. Courtney é esperta, então vai parar de se agarrar com o Bieber.


-Vamos chegar atrasados se os dois não pararem com a conversinha - disse encostada na porta.
-Tudo bem, Clarke. 

Ao ouvir aquela voz minha raiva se mostrou viva dentro de mim, além de viva, saudável, muito saudável.

-Cala a boca, Bieber.

Não consegui segurar as ofensas, esse foi meu mínimo, pois eu já estou com nojo daquele cantorzinho de merda.

Courtney com seu jeito mandão e grudento foi puxando Justin, minha amiga finalmente conseguiu o que queria, mas eu estou infeliz por isso, essa é a verdade.

A verdade é que eu gosto daquela bosta chamada Justin Bieber, por mais deturpado meu jeito de gostar. A verdade é que ele me faz sentir bem, me faz sentir com medo de me apaixonar, pois o amor não existe e ninguém acredita em "verdadeiro amor", ninguém acredita que vá ficar com uma pessoa para o resto da sua vida, ninguém acredita em almas gêmeas, resumindo, o amor não existe. Pelo menos essa foi minha conclusão.

Justin e Courtney estavam descordando de se sentar em um lugar e eu sei o porquê.

-Aqui devia ser o lugar da Anne, sua amiga deve sentar perto de você, Court - Bieber diz, falso, ele é um falso.
-Não. - Court disse e o puxou para baixo fazendo ele se sentar na cadeira - Ela vem do outro lado.

E ela é uma controladora! Disso eu já sabia. Ela está respondendo por mim! Quem ela pensa que é? Eu? E de certo sou um fantoche. Da última vez que ela foi controladora comigo quase acabou em guerra nuclear na quarta série.

-Tenho cavalheirismo, as damas primeiro.
-Anne não é dama.

Que porra! Ele fica me chamando de uma merda de dama e ela fica respondendo por mim! Agora vai ser guerra nuclear parte dois.

-Pare de responder por mim DROGA! Sente onde QUISER JUSTIN! E se ele quiser,  Courtney!

Se alguém fosse me analisar por essa frase, apenas essa frase, falariam que é uma pessoa com bipolaridade ou uma pessoa que precisa ir para um sanatório.

-Anne você está bem? - Courtney me disse com a voz tranquilizante. 

Pensando bem, eu não estou bem! Eu não estou nada bem! Eu quero gritar meus sentimentos, tanto os sentimentos de raiva e amor por Justin quanto meus sentimentos de insegurança, de amargura, de traumas.

Tem apenas uma maneira de me deixar melhor.

-Acho que estou sem fome, Court.

Disse e sai correndo para a sala, peguei meu material e Court me puxou pelo braço não deixando que eu escapasse pela porta que estava a, aproximadamente, dois ou três metros de mim.

-Solte meu braço - disse séria.
-Explique-me o que está acontecendo. - ela disse no mesmo tom - É uma troca justa - assim que ela falou puxei meu braço.
-Controladora de merda!

Courtney jogou o vaso de vidro junto com as flores amarelas falsas que tinham dentro sobre a porta pela qual eu iria sair.

-EXPLIQUE-ME! O que foi? Foi Logan?! 
-Não foi NADA! Agora que quebrar a sua casa? VAMOS QUEBRAR! COMEÇANDO POR ESSA PORTA que eu vou bater BEM FORTE!

Sai pela porta não me importando se ela jogue a reprodução de Da Vinci da sala dela na minha cabeça.

Ótimo, agora nós duas precisamos de ir para um hospício! As duas loucas que ficam gritando e voltando a sua voz normal.

Fui para o único lugar onde eu poderia ficar melhor.

A academia de artes que era de minha mãe.

Ela era até que bem perto de onde eu estava. Segui duas quadras, virei e andei mais duas. Lá estava, faz tanto tempo que não passo lá, desde que eu entrei no último ano do colegial. Eu me lembro como era ficar lá com as outras meninas que cantavam e dançavam, foi um tempo em que eu tinha mais amigas.

Se me perguntarem se eu voltaria para lá... Talvez, mas se perguntassem se eu tenho saudade ou isso me deixaria mais feliz eu diria que é um tanto insignificante, apenas contém sentimento quando eu estou brava.

Entrei pela porta de vidro e as moças da recepção me cumprimentaram, acho que elas sabem quem eu sou pelo mural de família e o de artistas destacados. Fizeram o mural da família quando meus pai morreram, pois aqui tem várias marcas da minha mãe, eu não me incomodo, não mais.

*Flashback On*

-Por que é tão difícil Courtney? Eu não consigo pisa naquele chão sem desabar! Ela dançava com mais paixão e destreza do que foi mãe. Eu nunca tive essas coisas, eu sempre fui meio fria. Eu nunca demonstrei afeto eminente para meus pais, nunca fiz m cartão decente, nunca dei um presente que não fosse com segundas intenções, não chorei no velório. O que está acontecendo comigo, Courtney? - disse chorando no colo de Courtney enquanto ela afagava meus cabelos curtos.
-Anne, nada em você é previsível, mesmo para mim que te conheço desde os três anos, então eu não posso te dar as respostas que quer, você tem que testar seus sentimentos e se auto avaliar, a única pessoa que tem certeza do que você sente é você, ninguém nunca te compreendeu, ninguém nunca previu sua atitude, isso é uma das coisas que são únicas em você.
-Você parece minha irmã.
-As vezes eu acho que eu sou mesmo.

Rimos um pouco e Courtney limpou minhas lágrimas.


*Flashback Off*

Hoje a academia está sobre controle de Nina, ela é uma das professoras de dança daqui. Nina está aqui desde muito tempo, minha mãe tinha confiança pura nela.

Nina veio correndo e me abraçou.

-Quanto tempo pequenina.
-Olha quem fala!

Nina tem cara de nova, mas não é tanto, 29 anos. Ela é baixa, ruiva, pele branca, muito branca e tem olhos verdes.

-Vai voltar a frequentar aqui?
-Constantemente, não, mas pode contar comigo.
-Bom, assim eu espero. Quer ir na "sua" sala especial? - ela disse e deu uma leve risada esperando que eu a correspondesse.
-Quero - disse séria.

Fomos para a sala onde eu treinava quando era criancinha e assim foi até três anos.

Cheguei lá e vi os posteres que minha mãe colocava na parede sobre minhas apresentações, assim como na última vez que eu passei por aqui.

*Flashback On*

Abri a porta da antiga sala de baby class com meu coração na mão e entrei de olhos fechados e caminhei até o centro, uma coordenada que já tinha automaticamente em mnha mente.


Abri os olhos e soltei um gemido de dor. Parecia que estavam contorcendo meu coração.


Caí de joelhos nos colchonetes pretos e me desatei a chorar.


Depois de chorar por vinte minutos, aproximadamente, me levantei e fui colocar uma música, sim, eu iria dançar, mesmo nos meus momentos difíceis. Foi isso que ela e ensinou.


Não sei por que o destino conspira contra mim. A música que começou a tocar foi When I look at you da Miley Cyrus.

Comecei a dançar a coreografia que ensaiei meses atrás. Deslizava minhas mãos e pés delicadamente seguindo o ritmo. Lágrimas escorriam de meus olhos, porém eu continuava. Isso pode ser uma metáfora para a vida também. Mesmo com os problemas não pare de caminhar, não pare de se mover, pois o mundo, não vai parar para você chorar.


*Flashback Off*

Meu coração pode ter apertado um pouco mais quando analisei aquele lugar de todas as maneiras possíveis, mas não tanto quanto antes.

Deixei minhas coisas na ceira ao lado e fui direto para o som procurar uma música.

-Acho que vou te deixar sozinha, afinal, você não precisa de instrutores agora - Nina disse voltando para fora.

Parece que eles mudaram as músicas, mas eu achei a música que queria e fui para o centro esperando até que ela começasse.

"Everybody needs inspiration, everybody needs a soul..."(para as pessoas que não sabem esse é o começo de When I look at you)


>>>>>>>>>>>>>>>><<<<<<<<<<<<<<<

Miss me?

Minha amiga me falou que estava sentimental, então se alguém chorou me fale porque eu quero ver se eu é que sou fria de estar ouvindo When I was your man e escrevendo sem sentir nenhuma vontade de chorar.

Desculpem pelo meu atraso hihi *-*.

Outra coisa, é que eu não divulguei os blogs capítulo passado. Me desculpem, e me desculpem por tantas desculpas. ARGH!

Queridas um desses flashbacks te uma coisa muuuuuuuuuuito importante. Vocês nem imaginam o que eu planejo para beeem lá na frente. Nunca vão deduzir o que é. Sou má. MUAHAHAHAHA

indicações:


Quero responder uns comentários:

Kelly Cristine Mendes Vieira:

Você assiste TVD? OMB. EU AMO TVD. Cara, as séries que eu ficaria abalada seriam 90210 e TVD quando acabassem. Amo muito. Delena ou Stelena? O meu personagem favorito é a Katherine e ou seu?

The Best Trends:

É mais ou menos isso que eu quero passar. Ela é orgulhosa sim, mas ela não quer voltar a ser uma menina vulnerável por causa do amor. Anne meio que tem as ideias confusas sobre o amor por causa da grande decepção amorosa que nunca foi explicada direito para ela. Ela tirou conclusões de coisas não sólidas.

20 comentários.

Para nosso capítulo com muito sobre a mãe da Annie eu vou colocar nossa frase com a Elena de TVD se lamentando e falando com a mãe dela(que está morta masok).

(Mamãe, eu não queria te desapontar)

 Kisses, Duda *3*

26 comentários:

  1. LEITORA NOVA !
    AMEI O CAPITULO CARA ! AMEI MESMO !
    CONTINUUA PLEASE ? EU QUERIA MESMO FAZER UM COMENT SUPER GRANDE MAS EU TENHO QUE ACORDAR CEDO KKK PERDOE-ME , E TEM COMO EU SER PARCEIRA DO SEU BLOG ? PLEASE ? O MEU É O :Nothing Like Us e a url é :http://imaginebiebersempre.blogspot.com.br/ obrigada e continue linda !

    ResponderExcluir
  2. continua ta muito boa!!!

    ResponderExcluir
  3. Anônimo12:09

    ~leitora fantasma~

    Capítulo perfeito pra cara*** kkk
    Continua logo amr;D

    Eu também assisto TVD,sou Delena, porque o goxtoso do Stefan é MEEEEU SÓ MEEU OUVIU?
    Paul Wesley Divo u.u
    Minhas personagens favoritas, são Katherine, Rebekah, o dlç do Stefan e o Klaus. Ótimo gosto não!? kk
    Tá ansiosa pra quinta temporada? Eu to quase morrendo aqui :X

    Só isso msm :D
    Brenda B.

    ResponderExcluir
  4. Per-fect!!!!
    Continua logo, ok???
    Cara, não sabe como eu fiquei feliz quando vi que você indicou o meu Blog (drewimagine.blogspot.com.br)!!! Tipo... Eu usei esse Blog para me inspirar nele e daí vou lá e vejo que esse blog ta me indicando!!! '0' Muito Obrigada!! <33
    Mas, flor, continua logo, viu?? Acho que é isso...
    Milhões Beijooos! Continua logo, viu??

    ResponderExcluir
  5. Anônimo14:18

    O.M.G - Usher ! Kkk perfeitoo' continua logoooo ( leitora nova ) .


    By : Victoria Marques

    ResponderExcluir
  6. Anônimo15:49

    perfeito continua!!!

    ResponderExcluir
  7. Continuaa pleease!Sua ib é viciante
    Leitora nova <33
    bjoos da @BrunStyles

    ResponderExcluir
  8. kk nossa cara TVD é tão perfeito,q até hoje não decidi qual é o melhor casal!!Stelena é perfeito mas Delena é muuuito Lindo!!Acho que meu personagem preferido é o Damon,não sei direito não sou boa em escolher coisas desse tipo,fico confusa haha!!Mas ok agora falando de STL!!Amei o capitulo ta bem legal,não chorei mas ta bem emocionante :D Continua??

    ResponderExcluir
  9. Anônimo19:16

    Haaaa muito bom, continua amore estou adorando sua ib

    ResponderExcluir
  10. Cara Justin vc tá brincando com os sentimentos de ambas e com isso vc vai decepcionar as duas, coitada da Anne sofrendo tanto novamente :(. Continua logo Duda, Bjs

    ResponderExcluir
  11. OMG...Continua ta Perfeito...XOXOXOXOXXOXXOOO

    ResponderExcluir
  12. Brunna Breezy10:49

    awn awn perfeitooooooo , ja disse q cada dia mais estou apaixonada por essa IB ? , ela é perfeita :3. Continua to mtmtmt ansiosa pro proximo capitulo <3

    ResponderExcluir
  13. Anônimo14:04

    Continua ' perfeito . Lindaa !

    ResponderExcluir
  14. Is a perfect rs' estou amando como seempre divando rs' continua.

    ResponderExcluir
  15. Anônimo19:43

    Desafio vc postar todo dia . Começando agora ! JÁ .. Rsrs perfeito continua

    ResponderExcluir
  16. Anônimo20:19

    Sabe o que eu acho? Que voce tem que postar agoraaa pq voce esta me matando de curiosidade, bom acho que vai demorar um bom tempo ate a anne e o justin se relacionarem, mas torço por eles

    ResponderExcluir
  17. Aaai eu vou morrer de curiosidade :@
    pleease posta logo o cap. <3333
    bjoos da @BrunStyles

    ResponderExcluir
  18. Anônimo22:49

    continuaaaaaaaaaaaaaaaaaaaa

    ResponderExcluir
  19. Anônimo22:53

    contenua gatinha :*

    ResponderExcluir
  20. Anônimo22:57

    proximo :3

    ResponderExcluir
  21. heyyyyy vigésima segunda a comentar...'-' (i don't know about you but i feeling 22...)
    Ok,sorry amore,demorei pra coementar néh?Tô tossindo,e gripada demais da conta,parece que quanto mais eu tusso(nuss,que palavra estranha '-') parece que vai sair um troço de mim [credo,espero que não seja um abizuu (possessão)]!
    Mas aqui,ficou perfeito *-* oque esse justin vai arrumar hein?Jesuis.... '-'
    Bom,amore,continua viu?Ficou PER-FECT!
    Beijos!

    ResponderExcluir
  22. A personagem da Anne é quem?

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Jessica Stroup. Ela faz filmes de terror e fez um dos personagens principais da série 90210 da CW que foi cancelada em maio desse ano, por isso acabou.

      Excluir
  23. Anônimo10:46

    a Beautiful melody,When the night's so long (8'
    amo essa musica

    ResponderExcluir
  24. MDSSS continuaa *-*

    Ps : Pf divulga para mim? Se puder muito OBRIGADO hahah <3 http://imagine-belieber-jerry-awt.blogspot.com.br/

    ResponderExcluir