17.7.14

#IB - Little Angel, Second Season: Capítulo 8

Aviso no final! (lê-se motivo do meu sumiço)

Desculpem pelo meu desaparecimento do hemisfério blogueiro, estava em Hogwarts, comprei docinhos e bebidas gasosas em Hogsmeade e depois dei um pulinho no Condado conversar com o Sam meigo, vendo se ele tinha notícias do Frodo e do Gandalf, ainda tentei falar com o Legolas para ele me ensinar a fazer pão élfico mas não consegui, foi uma viagem exaustiva, espero que entendam. (amantes de Harry Potter e Senhor dos Anéis me abracem, amo vocês) ♥

Aniversariantes de todos esses meses que eu fiquei sem postar se considerem presenteados devidamente com este capítulo meigo e destruidor de carreiras uhashs

Espero que gostem!
~~~~~~~~~~~~~~~~~~~~~~~~~~~~~~~~~~~~~~~~~~~~~~~~~~~~~~~~~~

Mode Liam on*

Minha cabeça doía muito. Ouvia um celular tocando, mas não sabia de onde vinha o som. Não conseguia abrir os olhos. Sentia meu corpo doer, minhas costas estavam formigando. Estava deitado em algo rijo e áspero, grosso. O barulho do celular voltou a soar em meus ouvidos. Levei minhas mãos à cabeça, tocando em algo. Parecia uma folha seca. Franzi o cenho e toquei onde estava deitado. 

Não pude evitar ranger os dentes. Angela me pegou outra vez. Abri os olhos com dificuldade e ouvi ruídos. Havia um esquilo sobre meu tórax me olhando com a cabeça levemente inclinada para a esquerda. Revirei os olhos e ouvi outra vez o celular tocar. Busquei-o em meus bolsos e olhei para o chão, vendo o quão alto eu me encontrava no momento. Mais ou menos uns dois metros. Pelo menos meu celular resistiu à queda. O esquilo grunhiu e olhei para ele, logo mordeu meu nariz e gemi de dor, me contorcendo e caí do galho. 

Não havia palavras para descrever a minha dor. Tinha uma dor gritante no braço direito. É claro que o quebrei, não esperava cair de uma queda dessa ileso. Ajeitei-me nas folhas e consegui avistar aquele maldito esquilo, que parecia tirar chacota de mim no topo da árvore até correr por dentre os galhos. O ringtone do celular ecoou nos meus ouvidos, o celular estava do lado da minha orelha e quase fiquei surdo.

"Deixa esse celular no máximo, Liam. Quero ver se não vai me atender por conta disso." 

Sim, minha tia é uma chata.

10.4.14

Anúncio da Duda

Oi oi gente (Kéfera da vida), aqui é a Duda e queria anunciar minha saída do blog, a Gih já sabe e tals.

"Mas e STL?" Eu ainda não sei, talvez eu peça pra Gih apenas excluir ou ficaria sem final, mas eu não acho que eu vá escrever um final, pois não tem um final para o que está acontecendo, o final que eu imaginava quando tinha esperança da fic ir para frente era totalmente inesperado e precisaria de um contexto todo, então STL sem final. Se quiserem muito eu faço um resuminho do que eu queria fazer na fic, mas não teria nenhuma estrutura de uma narrativa e tals, seria apenas um resumão informal.

Outra solução seria o que a Gi Flório fez, concurso, mas eu sei que no dela só apareceram duas pessoas não descentes e eu, por isso nao sei se daria certo.

Bem, era apenas isso. Beijo para as que gostavam e para as que não gostavam um "vá se foder" sincero do fundo do meu coração.

Duda

9.3.14

Surpresa!

Olá meninas! 

Como prometido, eu disse que postaria uma surpresa aqui. Eu e a Duda estamos fazendo uma challenge, recrutando novas fanfics para serem postadas aqui no blog. Fanfics diferentes e estimulantes, com assuntos variados. Se estiverem interessadas, leiam abaixo.

Terá de enviar até o 5º capítulo da sua fanfic para o meu e-mail, giovanna__amorim@hotmail.com, contendo seu nome, idade, contato e disponibilidade de 
postagem. Eu avalio ortografia e criatividade. 

Estou apenas esperando para ler as ideias de vocês. Vou colocar as fanfics vencedoras no Grupo do blog, ou seja, fiquem atentas. Colocarei um prazo de um mês para vocês me mandarem as fics, ok?

Tia Gigi está a espera! hahah. Beijinhos!

5.3.14

#IB - Runaway Love: Capítulo 6

“Paixão escondida”

Mode Tori on*

Acordei com dor de cabeça. Caralho, não acredito que tomei dois litros de vodka sozinha. Notei que estava agarrada a um homem em uma cama macia. Espera, eu não tinha dormido no carro? Meu deus. Ele está só de cueca. Que sexy. Nossas pernas estavam enlaçadas e minha cabeça estava sobre seu peitoral. Ergui-me e vi um rapaz de cabelos dourados. Aquela boca carnuda me fez lembrar a noite de ontem. Mas, como eu vim parar aqui?

Separei minhas pernas das dele e fiquei o admirando. Algo me dizia de que eu o conheço, mas, não consigo me lembrar. É tão vago o meu passado em Startford. Esses três anos me destruíram. Tanta coisa aconteceu que nem consigo me lembrar dos meus preciosos catorze anos.

#IB - Little Angel, Second Season: Capítulo 7

Hey meninas! Capítulo dedicado aos que fizeram aniversário nesse mês de fevereiro, e para o nosso querido ídolo que fez 20 anos! <3 

Desculpas pelo atraso mensal, explicações no final no capítulo.
~~~~~~~~~~~~~~~~~~~~~~~~~~~~~~~~~~~~~~~~~~~~~~~~~~~~~~~~~~~~~~~~~~~~~~~~



Mode Angel on*

- Comida japonesa?
- Um passarinho me contou que você ama.
- Ah, minha mãe ama dar dicas de onde me levar pra jantar – revirei os olhos sorrindo e ele riu, segurando em minha mão.
- Mas o que importa é que eu acertei, e nós vamos nos esbaldar, querida.

Ri da expressão do rosto dele e sentamos, pedimos sashimis e sushis variados e saquês – apesar de eu não querer, ele insistiu tanto que eu cedi.

29.1.14

#IB - Runaway Love: Capítulo 5

“Não gosto mais da Tori”

Mode Justin on*

Estava em casa ajudando minha mãe a fazer o almoço quando ouvi gritos vindos dos fundos de casa. Fui até lá e vi Chaz e Ryan, pulando e gritando feito idiotas.

- Vocês beberam? – disse, rindo deles.
- O Chris voltou, cara!
- O Chris? Por quê? Aquele filho da puta deve ter feito algo muito fodido.
- Com certeza! Foi mandando para fazer trabalho comunitário.

Gargalhamos.

- E ele vai vir lá em casa mais tarde e vim te chamar para rir da cara dele.
- Ok, eu vou sim. Podem voltar para suas casas, seus cornos.

26.1.14

Somebody To Love - Capítulo 17 - Little Bad Girl.

Acordei e Justin finalmente estava do meu lado dormindo como um bebê em um sono profundo.

Eu estava com muita fome e por isso apenas escovei meus dentes e fui tomar café da manhã. Pattie estava na cozinha fazendo torradas.


-Olá, Anne. Dormiu bem? 
-Hum... digamos que sim – disse sem graça e me sentando em uma cadeira.
-Justin já acordou?
-Incrivelmente não.
-Na verdade o normal é assim, mas esses dias ele estava preocupado com a sua surpresa de natal.

A torradeira apitou e Pattie levou um susto. Pegou a torrada utilizando um garfo e uma colher com um pouco de dificuldade. E se sentou à mesa.

21.1.14

#IB - Runaway Love: Capítulo 4

Bêbada e drogada”

Eram 16h50. Eu colocava as partes da bateria com Chris no station wagon, já que o pai do Ryan iria usar sua camionete hoje. Acabou que serviu direitinho. O Chaz vai mesmo tocar no meu lugar. E até agora essa anta não apareceu. Caitlin e Chris já entravam no carro e entrei também, acendendo um cigarro. Traguei lentamente, sentindo a fumaça percorrer meu corpo. Cait me olhou com cara de cachorro pidão e gargalhei, deixando-a tragar também. Chaz apareceu na minha janela, sorrindo. Joguei fumaça na cara dele e ri em seguida.

- Entra logo, princesa. - disse, ainda rindo dele. 

Chaz iria protestar pelo “princesa” e o olhei brava. O rapaz entrou e dei partida. Meu pai nem tem ideia de que peguei seu carro. Deixei um bilhete na geladeira, caso ele queira saber onde estou. Também não sou desvairada.

#IB - Little Angel, Second Season: Capítulo 6

Feliz ano novo guys! Que o 2014 de vocês seja melhor que o ano anterior e rezem para eu ter mais tempo de postar, amém. Hoje é aniversário do meu irmão, pentelho de todas as horas, parabéns little brother. ♥ E Happy Birthday para as/os aniversariantes desse mês. 

Avisos bombásticos no final do capítulo, para as amantes/fissuradas em Little Angel.
~~~~~~~~~~~~~~~~~~~~~~~~~~~~~~~~~~~~~~~~~~~~~~~~~~~~~~~~~~~~~~~~~


Mode Angel on*

Depois que acordamos, Justin quis me levar para a Starbucks para tomarmos café e depois irmos ao parque da Universal. Eu queria muito ver Hogwarts, é um dos meus sonhos de menina depois de ler todos os livros e ver todos os filmes. Pedi um frapuccino e ele também, e dividimos um muffin.

- Dá pra ver nos seus olhos o quanto você está animada, amor.
- Claro! – disse, tomando um gole do frapuccino – Estamos falando de Hogwarts, Biebs! Meu sonho é ver o que o Daniel, a Emma e o Rupert pisaram e contracenaram.

Ele sorriu largamente e ergueu uma sobrancelha.