5.3.14

#IB - Little Angel, Second Season: Capítulo 7

Hey meninas! Capítulo dedicado aos que fizeram aniversário nesse mês de fevereiro, e para o nosso querido ídolo que fez 20 anos! <3 

Desculpas pelo atraso mensal, explicações no final no capítulo.
~~~~~~~~~~~~~~~~~~~~~~~~~~~~~~~~~~~~~~~~~~~~~~~~~~~~~~~~~~~~~~~~~~~~~~~~



Mode Angel on*

- Comida japonesa?
- Um passarinho me contou que você ama.
- Ah, minha mãe ama dar dicas de onde me levar pra jantar – revirei os olhos sorrindo e ele riu, segurando em minha mão.
- Mas o que importa é que eu acertei, e nós vamos nos esbaldar, querida.

Ri da expressão do rosto dele e sentamos, pedimos sashimis e sushis variados e saquês – apesar de eu não querer, ele insistiu tanto que eu cedi.

- Como você nunca tomou saquê, Angel?
- Minha mãe nunca deixou, oras.
- Então hoje você vai tomar.
- Se você ficar bêbado eu não vou te carregar, hein.
- Relaxa, só dá pra ficar bêbado se tomar uns 3 copos ou mais. Esse é fraco, prometo.
- Vou confiar em você, mas é sério, não vou te carregar.

Justin riu sem humor e os saquês chegaram. Ele pediu de morango para nós dois. E até que é gostoso.   

- Gostou?
- Sim – sorri e tomei outro gole –, não é tão forte como eu pensava.
- Viu? Eu disse.

Depois de minutos, o pedido chegou e comemos. Aquela maldita sensação ruim ainda estava me incomodando, apesar de a noite estar sendo maravilhosa. Fiquei rodando o dedo indicador na borda do copo do saquê tentando entender o que estava acontecendo. Toda vez que eu me sentia assim, o Liam vinha e estragava tudo. Mas ele está aqui em Orlando?

- Ei, Angel.
Olhei para ele com o cenho franzido. – Sim?
- Está pensando em que? Parece preocupada.
- Não é nada, só estou um pouco cansada.
- Ah não. Hoje você não ficará cansada. Vamos pular para a segunda parte da surpresa.
Sorri de canto – E qual seria essa segunda parte?
- Vou te mostrar, só vou pagar a conta e nós vamos.
- Tudo bem, mas eu quero pagar também.
- Claro que não, a surpresa é minha e eu vou pagar tudo.

Revirei os olhos e ele levantou, indo até o caixa. Suspirei. Como ele poderia saber que eu estou aqui? Se bem que a Lilian está em Jacksonville, mas ela não é nenhuma telepata para adivinhar algo do tipo.

- Vamos, amor?
Sorri, me levantando e pegando na mão dele. – Vamos.

Pedimos um táxi e Justin disse o endereço para o rapaz. Se meus chutes estiverem certos, o próximo passo é uma balada. Ele quer se divertir, qual outro lugar iria? Justin nunca nega uma festinha de vez em quando – apesar de eu nunca frequentá-las, pois sempre fica eu de garota e isso não é nada legal. O motorista parou o carro e sim, era uma balada. A música fazia o carro vibrar, as mulheres entravam super bem arrumadas, os homens não deixaram para trás. E, meu Deus, quanto homem bonito.

- Pronta para dançar a noite toda?

Sorri e assenti em resposta. Justin pagou o táxi e compramos os ingressos, entrando logo em seguida. A música eletrônica, as batidas, as luzes, a fumaça, as pessoas dançando e se beijando, bebendo e até fumando conseguia me deixar completamente sufocada. Eu acho que nunca fui numa balada desse pretexto, eram sempre festas de amigos com nem 30 pessoas. Ali pareciam ter, no mínimo, 400 pessoas.

Justin me puxou para o meio da galera e começou a dançar mexendo os braços, me fazendo rir dele.

- Justin eu não sei dançar! – gritei para que ele me ouvisse.
- É só se mexer Angel!

Assenti um pouco desengonçada. Todos ali estavam tão fora de si – e isso que não estava tão perto da meia noite –, dançando como se fosse o último dia de suas vidas. Apenas mexia os ombros e os quadris conforme a batida da música extremamente alta. Eu já ouvi essa música em algum lugar e ela era bem divertida, então até deu para dançar um pouco. 

Justin dançava tão bem que me senti super humilhada. Esse homem é perfeito até dançando. Parecia tão fácil do jeito que ele fazia. Eu só me movimentava como achava que não fosse humilhante ou vergonhoso.

Quando a música acabou, a batida seguinte fez todos gritarem. Eles começaram a cantar junto, era algo louco. Justin também cantava, e sim, eu me muito senti excluída. Só eu não sabia a letra, mas a batida era incrivelmente envolvente.

[n/a: música aqui]

Off off with your head
Dance dance ‘til you’re dead
Heads will roll
Heads will roll
Heads will roll

On the floor

A galera cantava com tanta emoção e levantava os braços no refrão, era como se eu estivesse em outra atmosfera, respirando outro ar. E então alguém me puxou brutalmente para trás, tampando meus olhos e caí no chão com força. Bati a cabeça no chão e tudo começou a rodar. Só via luzes e pernas.

Uma voz masculina ecoou nos meus ouvidos.

Cabeças vão rolar.

- Angela!

Justin se abaixou, olhando para mim preocupado e segurou meu rosto, atordoado.

- O que aconteceu?
- Alguém me derrubou – levantei com dificuldade e os malditos olhos azuis me observavam. – Ah, não.
- O que foi?
- Nós temos que sair daqui.
- Mas por quê?

Puxei a mão dele e corri, trombando nos outros e ouvindo os resmungos. De repente, ele não segurava mais minha mão e parei, procurando-o. Estava me sentindo sufocada pela quantidade de pessoas ao meu redor e saí daquele maço, encontrando o balcão do barman e sentei ali, respirando fundo. Droga, isso não deveria acontecer.

- A senhorita está bem?

Olhei para o lado, vendo que o barman me olhava aflito.

- Perdi meu namorado na multidão. – sorri fraco – Poderia me dar uma garrafa de água sem gás, por favor?
- Claro.

Fechei os olhos, tentando entender tudo aquilo.

Cabeças vão rolar.

Eu preciso encontrá-lo.

Pensei em Justin. Fechei os olhos, sentindo meus dedos contorcerem. A câimbra não incomodava tanto quanto a dor de algo acontecer com ele. Felizmente, ele estava me procurando no meio de todos, e Liam não estava perto dele. Mas ele está aqui. Atrás do palco do DJ.

- Angela! Ah, finalmente te encontrei!

Assustei-me com sua voz e senti seus braços me envolverem num abraço desesperado.

- O que te deu, hein? Nunca veio a uma festa assim.
- Nós precisamos ir embora.
- Por quê?
- Eu... eu estou me sentindo mal, Justin.
- Aqui a sua água, moça.

Libertei-me dos braços de Justin e virei, vendo a garrafa ali e a peguei, pagando o homem logo em seguida e tirando a tampa, tomando um gole. As mãos dele pararam em minhas coxas, me admirando confuso.

- Assim, do nada?
- É que eu não gosto muito de lugares assim...
- Sério? Então deveria ter me falado!

Sorri sem graça, levantando do banco e segurando na mão dele.

- Desculpa, é que eu pensei que fosse conseguir ficar.
- Não amor, tudo bem. Quer ir caminhar então?
- Pode ser.

Saímos da boate e tirei meus sapatos. Não queria caminhar de salto. Pelo menos estamos parcialmente longe dele.

- Mas tirando isso... você gostou?
- Claro que gostei. Você fez de tudo para me agradar. Obrigada Biebs.
- Não foi nada, anjo. Afinal, o que eu não faço por você?
Ri dele. – Verdade.

Voltei a olhar pela calçada e vi um garotinho sentado num banco e ele estava de cabeça baixa. Soltei minha mão da de Justin e olhei para ele.

- Espera um segundo?

Justin assentiu e andei até lá, sentando no banco ao lado dele. Ele chorava baixinho, e seus cabelos ruivos reluziam com a luz do poste atrás de nós.

- O que aconteceu? 
- Estou perdido, não encontro meu irmão.
- E como ele é? Talvez eu possa te ajudar.
- Ele é ruivo, como eu, mas é mais velho.
- Tudo bem, eu te ajudo. Vem comigo, ah, e como é seu nome?
- Dennis.
- Ok Dennis, vamos atrás do seu irmão.

O garoto ruivo levantou, me seguindo. Voltei até onde Justin estava e ele me olhou sorrindo.

- Ele está perdido e eu queria ajudá-lo, Justin.
- Tudo bem, amor. Não precisa se preocupar.

Sorri de volta e voltamos a caminhar, procurando o irmão do menino.

- Onde você estava quando se perdeu dele?
- No parque ali na frente. – ele apontou para o lugar e me arrepiei, era completamente mal iluminado, até eu me perderia ali – Nós estávamos brincando e eu acabei me perdendo.
- Vamos até lá, então.
- Você acha que seja uma boa ideia, Angel?
- Não, mas eu prometi que iria ajudar o garoto, e também o outro menino deve estar perdido.
- Ok, ok. Você e seus sentidos de ajudar todos.

Fomos até o bosque, adentrando pelos lugares que Dennis nos dizia que havia passado. Era extremamente sombrio e aterrorizante, e eu tinha a sensação de estar sendo perseguida. A agonia estava batendo com o senso de bondade e mordi os lábios, continuando nossa procura.

De repente, Dennis tropeça em uma raiz alta e geme de dor e abaixei, vendo na luz fraca que o ferimento sangrava um pouco. Peguei um lencinho de papel que sempre deixo na bolsa e molhei com um pouco da água que trouxe comigo, limpando e logo em seguida secando o machucado.

- Dennis! Onde você está?

Levantei e ajudei o menino a levantar, vendo o entusiasmo no rostinho dele.

- Dustin! – gritou o menino – Estou aqui!

Um menino ruivo, parecidíssimo com Dennis surgiu por trás das árvores e veio correndo, abraçando o menino. Sorri por ver aquela cena.

- Meninos, nós temos que voltar. Aqui é perigoso.

Os garotos ruivos assentiram e fomos para o caminho de volta. Eles conversavam entre eles, Justin segurava em minha mão, apertando-a forte. Eu ainda me sentia como se estivesse sendo observada.

E isso está me soando muito familiar.

- Justin, eu sinto como se já tivesse feito isso antes.
- Como assim?
- Não sei, mas eu já fiz isso.
- Ajudou alguém?
- Não! Era exatamente assim. Meninos ruivos perdidos, floresta e... Liam.

Ouvi um grito, e alguém estava com Dennis, segurando seus braços e Dustin gritava com o rapaz. Virei, vendo exatamente o que não queria ver. Aquele maldito sonho era real. Os olhos azuis estavam me perseguindo desde a balada, e agora aqui. Ele só esperou o lugar certo e a hora certa.

- Solta ele, seu cretino! – gritou Dustin, que o esmurrava para que soltasse o irmão.
- Justin, corre! É sério!

Ele me olhou preocupado e assentiu, correndo. Corri até Liam, soltando o garoto de seus braços, esmurrando seu estômago e fazendo-o cambalear para trás.

- Corram meninos! Vão para casa!

Os meninos assentiram e senti-o segurar forte em meu maxilar, me fazendo o olhar nos olhos. Malditos olhos azuis.

- Você não consegue viver sem mim, não é? – disse, fechando os olhos.

Eu precisava resistir, Justin estava correndo perigo.

- Não querida, não consigo. Porque você pertence a mim.

Ouvi gritos de dor.

Não.

Isso não pode acontecer.

Uma lágrima escorreu pelo meu rosto e me soltei de Liam, dando um tapa em seu rosto e ele me olhou sorrindo com escárnio.

- Pare – disse, firmemente – você não sabe com quem está lidando.
- E será que seu namoradinho de merda sabe?
- Pare.

Liam parou de sorrir, me olhando de forma hipnótica. Sorri, erguendo uma sobrancelha.

- Agora é a minha vez de brincar. Suba na árvore mais alta do parque e espere até alguém ir procurá-lo. Independente disso, não saia de lá. Você saberá a hora certa. Não ligo como irá fazer isso, mas faça.

O rapaz de olhos azuis se virou, andando pelo parque adentro. Suspirei. Um problema a menos.

E aquela agonia me invadiu novamente.

Justin.

Corri, o procurando pelo chão e o encontrei, desacordado. As lágrimas foram mais fortes que eu, a dor foi mais forte. O medo de perdê-lo outra vez me martelava sem dó.

- Justin! Acorda, por favor! Eu não consigo viver sem você...
- Acho que nem eu conseguiria – sussurrou ele, sorrindo.
- JUSTIN! – gritei, ficando por cima dele e o abraçando forte – VOCÊ TÁ VIVO!

Ele riu, beijando minha bochecha e logo meus lábios. Eu não poderia estar mais aliviada.

- Pensei que estivesse morto, eu...
- Tudo bem Angel, o que importa é que estamos bem.

Levantamos da terra e respirei fundo, o abraçando outra vez.

- Mas, cadê o Liam?
- Eu dei um jeito nele.
- Como sempre, não é? – rimos juntos – Vamos para o hotel descansar.
- Vamos, e te conto umas coisinhas sobre o Liam.

Justin assentiu e enlaçou seu braço em minha cintura. Deixamos o bosque e pedimos um táxi. Logo, já estávamos no hotel, sãos e salvos. Só não sabia até que ponto poderíamos estar. Ele já sabe que estou aqui. Não irá demorar a ele e a Lilian acharem onde estamos. 

***
Hey Geliebers!

Bem... eu não sei o que dizer. Eu sei que super atrasei a postagem, mais de um mês. As coisas estão ficando complicadas para mim, era praticamente o mês todo estudando para as provas e meu avô faleceu mês passado, tem sido muito difícil. Só esperei o carnaval chegar para escrever, já tinha escrito, mas demorei uns dias pra vir aqui e postar. 

Enfim, eu fiz um grandinho para compensar a minha demora, e já vou lhes avisando. Eu acho que, daqui pra frente vai ser assim. Vou postar uma vez por mês, assim que tiver tempo. Estou estudando pra caramba, ensino médio pega pesado. Desculpem-me por isso, mas é o que eu posso fazer. Eu espero praticamente meses (quem lê biology e sex on fire sabe do que estou falando) para as autoras postarem e nem por isso saio com ancinhos e tochas para cima delas -q Espero que entendam.

Tirando as coisas ruins, vamos falar do capítulo. Essa big fail do Liam vai custar muito caro para eles? Esse planinho maléfico vai mesmo funcionar? 

Ah, e até o fim de semana eu postarei uma surpresinha para vocês, vou conversar com a Dudinha e digo aqui. Ah, e falando em Somebody to Love, nossa querida Duda está com bloqueios de imaginação, por isso não está atualizando a fic. 

Continuo com mais de 20 comentários!

Grupo do Blog [participem!] e meu twitter

Amo vocês meninas!
Kisses, da Gih. 

43 comentários:

  1. AAAAAAAAAAAAH!
    LIAM SE FERROU!!
    Mas o q me desanima é q daqui a pouco vão achar eles dois!
    Ficou perfeito demaaais!
    Tava morrendo de sdds de ler LA!!
    Sinto muito pelo seu avô, é horrivel perder uma pessoa da família!
    Continua, xoxo *-*

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Poderia acompanhar minha imagine belieber amor? Se já pedi, me desculpe. Espero que goste! imaginebelieberalmagemea.blogspot.com.br

      Excluir
  2. Amei o capitulo, espero que você consiga postar mais vezes! Bjss

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Poderia acompanhar minha imagine belieber amor? Se já pedi, me desculpe. Espero que goste! imaginebelieberalmagemea.blogspot.com.br

      Excluir
  3. Q saudadeeeee
    Mdss
    Capitulo perfeito
    Continuaaa
    Liam ta precisando sofrer um pouco
    Justin súper fofo, pena que o Liam estragou a surpresa
    ate o próximo bjuu
    Ah e lamento pelo seu avô
    E boa sorte nas provas

    ResponderExcluir
  4. Respostas
    1. Poderia acompanhar minha imagine belieber amor? Se já pedi, me desculpe. Espero que goste! imaginebelieberalmagemea.blogspot.com.br

      Excluir
  5. Anônimo00:50

    ahhhh mds ela postouu continua

    ResponderExcluir
  6. Gii eu adoro seus IBs serio de verdade eu acabei de fazer um blog e preciso de ajuda vc pode me ajudar com o meu blog o link é http:/crazyforbieberimagines.blogspot.com.br/ valew charab♥♡♥

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Poderia acompanhar minha imagine belieber amor? Se já pedi, me desculpe. Espero que goste! imaginebelieberalmagemea.blogspot.com.br

      Excluir
  7. Heloisa D'Andrade19:24

    Olha quem tirou um tempinho pra ler 3 capitulos atrasados. He :3
    Eita Gih, me deu arrepios aqui. Sdds dessas sensações.
    Meu Deus, esse Liam pertuba muito hein, o problema é que ele é lindo, pqp.

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Poderia acompanhar minha imagine belieber amor? Se já pedi, me desculpe. Espero que goste! imaginebelieberalmagemea.blogspot.com.br

      Excluir
  8. Anônimo09:26

    Ameiiiii Continuaaa

    ResponderExcluir
  9. Anônimo20:07

    Continua sua perfeita!!

    ResponderExcluir
  10. Respostas
    1. Poderia acompanhar minha imagine belieber amor? Se já pedi, me desculpe. Espero que goste! imaginebelieberalmagemea.blogspot.com.br

      Excluir
  11. Isadora18:08

    Continua, esta de mais.

    ResponderExcluir
  12. Anônimo23:26

    Nossa mt perfeita sua fic, comecei a ler no sabado e ja li todos os capítulos em 1 dia kkk. Amei você vai fazer mesmo um livro dessa fic? Vai fazer o maior sucesso. Quantos capitulos vai ter a 2° temporada? Bjs

    ResponderExcluir
  13. Anônimo23:31

    Nossa mt perfeita sua fic, comecei a ler no sabado e ja li todos os capítulos em 1 dia kkk. Amei você vai fazer mesmo um livro dessa fic? Vai fazer o maior sucesso. Quantos capitulos vai ter a 2° temporada? Bjs

    ResponderExcluir
  14. continua ta muito mt perfeito pffffffffff continuaaaaaaaaaaaaaaaaaaaaaaaaaaaaaaaaaaaaaaaaaa

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Poderia acompanhar minha imagine belieber amor? Se já pedi, me desculpe. Espero que goste! imaginebelieberalmagemea.blogspot.com.br

      Excluir
  15. Leitora nova Uhu
    Continuaa ta perfeitoo já lii todos os capítulos e estou viciadaa...divulga meu blog por favorr acabei de fazer http://kidrauhlforeverbelieberforever.blogspot.com.br/

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Poderia acompanhar minha imagine belieber amor? Se já pedi, me desculpe. Espero que goste! imaginebelieberalmagemea.blogspot.com.br

      Excluir
  16. continuaaaaaaaaaaaaaaaaaaaaa

    ResponderExcluir
  17. PFVRRRRRRRRRRRRRRRRRRRRRRRRR

    ResponderExcluir
  18. Ta tipo pftooooooooooooooooooooooo

    ResponderExcluir
  19. Ameiiiiiiiiiiiiiiiiiiiiiiiiiiiiiiiiii

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Poderia acompanhar minha imagine belieber amor? Se já pedi, me desculpe. Espero que goste! imaginebelieberalmagemea.blogspot.com.br

      Excluir
  20. Oii, sou Leitora nova e Ameeei muiito suua IB, cara, muito perfeita *--* Coontiinuua PFV

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Poderia acompanhar minha imagine belieber amor? Se já pedi, me desculpe. Espero que goste! imaginebelieberalmagemea.blogspot.com.br

      Excluir
  21. HEYYYYYYY POSTA LOGOOOOOO PFVR, ta quase 2 meses sem postar :(

    ResponderExcluir
  22. Anônimo19:39

    COOOOOOOOOOOONTIIIIIIIIIIIIIIINUUUUUUUUUUUUUUUUUAAAAAAAAAAAA PFV tá muito perfeito *----*

    ResponderExcluir
  23. Anônimo21:45

    ahhhhhhhhhh morrendo de curiosidade , posta logoooo.
    Eu amo essa IB demais , minha vida, minha alma , meu ser , posta logo , nao aguento maissss. Bjs da Bru

    ResponderExcluir
  24. Anônimo14:43

    A imagine tá perfeita *-* por favor... continua ♡

    ResponderExcluir
  25. Anônimo01:37

    Continua pelo amor de deus, nao aguento mais esperar. Tá perfeito, todos os cap estão.

    ResponderExcluir
  26. Anônimo07:33

    Continnua pir favor hahah

    ResponderExcluir
  27. Anônimo07:34

    O liam se fudeu heh otario .... pff continua haha

    ResponderExcluir
  28. Anônimo17:42

    AAI QUE SDDS DESSA IB.. necessito dela pleasee continua

    ResponderExcluir
  29. Anônimo15:16

    Pfv continua .... saudades de lê essa IB faz isso por nos leitoras que amamos essa fic ~laís

    ResponderExcluir
  30. Oi, queria pedir pra voce continuar, essa fic me fez amar muito mais o justin, eu estava triste e confusa, e essa fic me ajudei muito, continua ela por mim, por favor, eu nao sou nada sem ela, por favor mesmo, eu te imploro

    ResponderExcluir
  31. posso postar o seu imagine no meu blog? POR FAVOR

    ResponderExcluir
  32. Lara =323:41

    Hey, eu queria dizer que sou uma leitora meio antiga do blog, apesar de não comentar kkk, eu queria perguntar se eu poderia repostar sua fic no wattpad, claro que vou deixar o link do blog da sua história, vou colocar os seus créditos como escritora da história... só queria pedir permissão? você deixa? por favooor :3

    ResponderExcluir